quinta-feira, 20 de janeiro de 2022 - 08:13 h

TEMPO REAL

 

Capa / Região / Coordenadorias de Juventude de Volta Redonda e Buenos Aires trocam experiências

Coordenadorias de Juventude de Volta Redonda e Buenos Aires trocam experiências

Matéria publicada em 13 de janeiro de 2022, 15:19 horas

 


Larissa Garcez participou de reunião online que reuniu outras lideranças jovens do Estado do Rio de Janeiro

Foto: Secom/PMVR
Objetivo da reunião foi estreitar laços e trocar experiências entre as organizações

Volta Redonda – A coordenadora de Juventude de Volta Redonda, Larissa Garcez, que também preside o Fórum Estadual de Gestores de Juventude (Forjuve), participou de reunião com o secretário de Políticas Públicas para a Juventude de Buenos Aires, capital argentina, Tomás Mestre, que ainda é diretor Geral da BA Joven, organização que fomenta o empreendedorismo, fornecendo ferramentas e gerando oportunidades que ajudem a alcançar objetivos. O encontro por videoconferência, na última quarta-feira, 12, contou com outras lideranças jovens do Estado do Rio de Janeiro.

Também participaram da conversa online o diretor de Relações Internacionais do Forjuve e coordenador de juventude de Cabo Frio, Marlon Barbosa, e o secretário Executivo e coordenador de Juventude de Niterói, Eduardo Oliveira. O objetivo da reunião foi estreitar laços entre as organizações e trocar experiências de ações, programas, projetos e políticas públicas para juventude entre as cidades do Estado do Rio e a capital da Argentina.

“Foi um diálogo muito produtivo. A realidade das juventudes latino-americanas é muito parecida e, consequentemente, as demandas também, o que torna esse intercâmbio ainda mais importante. Principalmente no que tange às políticas públicas de acesso e permanência nas universidades e a busca pelo primeiro emprego”, disse Larissa Garcez.

Representantes que participaram do encontro apresentaram programas e projetos que vêm desenvolvendo em seus municípios para o acesso de jovens ao primeiro emprego. Volta Redonda destacou o programa Centro Oportunizar e os avanços alcançados em cinco meses de implantação na cidade. Além de mostrar os resultados do Centro Oportunizar ao grupo, o projeto piloto foi encaminhado ao secretário argentino que se impressionou com os números positivos da ação.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

3 comentários

  1. Qual a importância dessa coordenação? Os jovens da cidade sequer sabem que isso existe.

  2. Ve se aprendem alguma coisa pergunte como esta uma maravilha a Argentina com a esquerda e aprendam alguma coisa

  3. Argentina é a nova Venezuela?!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document