;
sexta-feira, 27 de novembro de 2020 - 08:39 h

TEMPO REAL

 

Capa / Região / Equipes do Parque da Serra da Concórdia resgatam animais debilitados após incêndio

Equipes do Parque da Serra da Concórdia resgatam animais debilitados após incêndio

Matéria publicada em 17 de setembro de 2020, 15:15 horas

 


Animais resgatados com vida foram encaminhados para cuidados veterinários
(Foto: Divulgação)

Valença– A equipe de guarda-parques realizou uma varredura para resgatar os animais vítimas do incêndio no Parque Estadual da Serra da Concórdia, em Valença. Até essa terça-feira, dia 16, três vidas haviam sido salvas: uma paca, um filhote de urubu e um coelho tapiti.

O parque é administrado pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea). Um incêndio de grandes proporções atingiu o local. As chamas consumiram 70 hectares de área do parque e provocou a morte de várias espécies da fauna local. “Encontrar animais vivos é uma tarefa difícil, mas nos enche de esperança de superar esta tragédia”, disse o gestor da unidade, Maurício Macedo.

Para ele, o momento também exige a intensificação dos trabalhos no viveiro de mudas e no reflorestamento da unidade. Os incêndios florestais provocam graves danos ambientais, como a destruição da vegetação, a morte de animais silvestres, a degradação do solo e a poluição atmosférica, além de ser responsável por danos à saúde, pois causam doenças respiratórias.

Denúncias de crimes ambientais 

Em caso de incêndio florestal, a população deve entrar em contato com o Corpo de Bombeiros, pelo 193. Denúncias de crimes ambientais no estado do Rio de Janeiro podem ser feitas no site do Inea: www.inea.rj.gov.br.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document