sábado, 26 de setembro de 2020 - 22:19 h

TEMPO REAL

 

Capa / Região / Família de prefeito de Porto Real fará contraprova para Covid-19 nesta semana

Família de prefeito de Porto Real fará contraprova para Covid-19 nesta semana

Matéria publicada em 11 de agosto de 2020, 18:36 horas

 


Porto Real – O prefeito de Porto Real, Ailton Marques, afirmou durante uma live nas redes sociais que ele e sua família farão a contraprova para Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, ainda nesta semana. Sua esposa, a vereadora Fernandinha, sua enteada e seu filho testaram positivo para a doença, na segunda-feira (10) e toda a família está em isolamento domiciliar desde então, no bairro Bulhões. Ailton testou negativo para Covid-19 após realização de teste rápido.

– A orientação é ficarmos em isolamento domiciliar por sete dias, por isso cancelamos todas as reuniões presenciais até sábado para preservar as vidas de nossas secretárias, dos nossos assessores, dos nossos secretários e da vida da população. Somos figuras publicamente expostas porque temos contato com todo mundo. Recebo diariamente empresários e a população e deu da minha família testar positivo no decorrer da semana – comentou Ailton.

Segundo o prefeito, os familiares estão bem, eles apresentaram sintomas leves da doença, com exceção do filho que foi classificado como assintomático (que não apresentou sintomas), e que não corre risco de transmitir o vírus para outras pessoas.

– A unidade de saúde de Bulhões prontamente veio até nossa casa para realizar os atendimentos quando eles apresentaram os sintomas na semana passada. Após o oitavo dia, fizemos os exames e nos três deram positivo. Vamos fazer a contraprova ainda essa semana e embora eu tenha testado negativo ainda há necessidade de uma contraprova, mas se Deus quiser, não vai ter nada. Vamos seguir a risca o isolamento domiciliar e quero agradecer as mensagens positivas que tenho recebido nos últimos dias – destacou Ailton Marques.

Ele também explicou que a rotina na casa mudou desde que os parentes foram testados com o novo coronavírus. Eles moram numa casa de dois andares, onde Ailton fica no primeiro andar e os três no segundo piso. Eles estão seguindo o protocolo estipulado pela Secretaria de Saúde de Porto Real para evitar o contato.

Boletim epidemiológico de terça-feira (11), 292 casos confirmados do novo coronavírus com 159 recuperados, 116 em isolamento domiciliar, seis internados e 11 óbitos causados pela doença. Ao todo são 1170 casos suspeitos, sendo cinco internados e 164 em isolamento domiciliar, além de 656 casos descartados por síndromes gripais ou pelos testes rápidos.

Durante a live, o secretário de Saúde, Luiz Fernando Curty Jardim, comentou sobre os atendimentos no Centro de Triagem Covid-19, local que antes era a Central de Vacinas, situado no Hospital Municipal São Francisco de Assis (HMSFA). O centro começou a ser atendido na última quarta-feira (05) e já realizou 97 consultas de moradores que foram com sintomas suspeitos da Covid-19. Segundo o secretário, dos 97 moradores, 86 realizaram os testes rápidos e 17 foram confirmados com a doença e 69 foram descartados.

– Isso significa que um quarto (1/4) das pessoas que passaram pelo Centro de Triagem testaram positivo. Ele é uma ala em separado só para as síndromes gripais, a pessoa que está sentindo gripe é orientada a ir para ala. Temos abordado uma média de pelo menos 15 pacientes por dia e ao mesmo tempo temos seis leitos disponíveis para internar pacientes suspeitos de Covid, mas se houver necessidade, poderemos chegar a 12 leitos, o que não é de nosso interesse. Nosso objetivo é sempre menos e não mais. Nesse Centro de Triagem é feito todo um atendimento pelo médico que faz o teste rápido nos pacientes que estão com sintomas há mais de oito dias. Se houver necessidade de internação, ele já é conduzido para a ala de internação, onde tem uma equipe só para cuidar dos internados suspeitos – explicou.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. Avatar
    Casa de ferreiro, espeto de pau!

    Deixa eu ver se entendi! Quer dizer que o toque de recolher imposto a população trabalhadora pelo “discípulo” do cangaCiro e apadrinhado pelo tio Chico do STF não surtiu efeito na própria casa??? Tamus lascadis!!!

Untitled Document