quarta-feira, 27 de outubro de 2021 - 23:55 h

TEMPO REAL

 

Capa / Região / Hospital do Retiro tem novo diretor médico

Hospital do Retiro tem novo diretor médico

Matéria publicada em 21 de setembro de 2021, 15:56 horas

 


Médico Rogério Almeida assume o cargo em outubro; Márcio Arbex sai por razões pessoais

 

O futuro diretor do Hospital do Retiro visita Basílica de Aparecida do Norte
Foto: Arquivo pessoal

Volta Redonda – A partir do dia 1º de outubro, o Hospital Municipal Dr. Munir Rafful (HMMR), o Hospital do Retiro, contará com um novo diretor médico. Rogério Almeida vai substituir Márcio Arbex, que deixará o cargo por questões pessoais.

A diretora geral do hospital, Márcia Cury, aproveitou para agradecer ao médico Márcio Arbex pelo empenho e excelência ao desempenhar o cargo de direção, que contribuiu para resgatar o Hospital do Retiro e recolocá-lo como referência em clínica médica, cirurgias eletivas e tratamento de Covid-19 do município.

“Agora, o médico Rogério Almeida irá somar conosco na gestão do Munir Rafful, onde continuaremos trabalhando para prestar um atendimento de qualidade para a população de Volta Redonda”, completou Márcia.

Rogério Almeida, novo diretor médico do HMMR, é formado em Medicina pelo UniFOA (Centro Universitário de Volta Redonda) desde 2008 e fez residência em clínica médica no Hospital do Retiro nos anos de 2009 e 2010. Atualmente trabalha como superintendente na gestão hospitalar, como médico na sala vermelha, como médico hospitalista e como coordenador médico do NIR (Núcleo Interno de Regulação) na unidade.

“Como substituto, agradeço ao Márcio Arbex pela oportunidade de participar da sua gestão e pelo aprendizado. Sempre o considerei como um dos meus mestres. É com muita honra e satisfação que, na condição de diretor, darei continuidade ao trabalho que iniciamos juntos”, destacou Rogério.

O médico intensivista Márcio Arbex agradeceu ao prefeito Antônio Francisco Neto e à diretora Márcia Cury pela confiança; e também ao Rogério Almeida, ex-aluno, amigo e parceiro de jornada, que vai assumir a direção médica do hospital em seu lugar.

“Gratidão também a todos os colegas que permaneceram no hospital e acreditaram em nosso trabalho. Formamos uma parceria que trabalhou de maneira sincrônica e, com isso, conseguimos reerguer em pouco tempo a unidade hospitalar. Nossa proposta era voltar a ser um hospital com qualificação para atender os usuários e voltados para o ensino médico, e conseguimos alcançar essa meta”, finalizou Márcio.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

2 comentários

  1. Todos puxa sacos do prefeito bolinha. Não Deixaram as famílias enterrar seus entes queridos quando politizaram a doença covid para extorquir dinheiro federal.

Untitled Document