Itatiaia inicia montagem de um hospital de campanha com 200 M² - Diário do Vale
quarta-feira, 22 de setembro de 2021 - 11:45 h

TEMPO REAL

 

Capa / Região / Itatiaia inicia montagem de um hospital de campanha com 200 M²

Itatiaia inicia montagem de um hospital de campanha com 200 M²

Matéria publicada em 13 de fevereiro de 2021, 10:00 horas

 


Construção do hospital de campanha marca início de grandes mudanças na saúde

A prefeitura pretende manter o novo espaço em funcionamento até o término das obras de adaptação do perfil do Hospital Municipal – Foto: Divulgação.

Itatiaia- Como parte de um planejamento amplo para a saúde do município, a prefeitura de Itatiaia iniciou na sexta-feira, dia 12, a montagem de um hospital de campanha, com 200 m², cinco leitos completos para estabilização de pacientes graves, 10 leitos de enfermaria, todos voltados ao atendimento da Covid-19.

Dotado de piso vinílico, ar condicionado, mobiliário, entre outros equipamentos e comodidades para pacientes e profissionais de saúde, a nova unidade ficará sediada na área do Hospital Municipal Dr. Manoel Martins de Barros e permitirá a adaptação de obras em curso há mais de um ano no local, além da retirada da tenda atual.

Segundo o secretário de Saúde, Sérgio Paiva, a prefeitura pretende manter o novo espaço em funcionamento até o término das obras de adaptação do perfil do Hospital Municipal.

“A unidade de campanha não tem comparação com o que existe hoje porque a nova estrutura modular é um hospital de campanha completo. Com benefícios imediatos, como a melhoria no atendimento e a recuperação da área da maternidade e de todo espaço interno cedido para dar suporte à tenda do Covid-19, explica o secretário de Saúde, Sérgio Paiva.

O secretário de saúde ressaltou que após o término da montagem, prevista para a próxima semana, a equipe erguerá outra estrutura de saúde, voltada à triagem e atendimento de casos leves de Covid-19, no Centro, entre as ruas Dona Apolinária e Antônio Gomes de Macedo, na região conhecida como Praça do Banerj, no Centro.

“A Descentralização do atendimento vai facilitar o acesso de uma região populosa à saúde e diminuir o fluxo no Hospital”, comenta o subsecretário de Saúde, Flávio Barradas.

Tomografia e mais mudanças no Hospital Municipal

Um novo projeto, que prioriza as reformas na área interna do Hospital Municipal Dr. Manoel Martins de Barros, está em andamento e a expectativa é que a contratação dos serviços seja feita ainda no primeiro semestre.

“Nosso Hospital precisa de uma nova configuração, com a readequação do pronto socorro, que precisa de salas mais amplas e ampliação da recepção, por exemplo”, explica Sérgio Paiva.

A melhora no atendimento no Hospital Municipal passará também por investimentos em diagnóstico, com a contratação do serviço de tomografia computadorizada e a troca do aparelho de Raio-X digital.

“Em janeiro recebemos dez novos respiradores. Com os novos equipamentos que estamos providenciando, o atendimento destinado à população será muito facilitado”, prevê o secretário.

Novidades em Penedo, Marechal Jardim e Maromba

A região de Penedo também terá uma unidade exclusiva para o pronto atendimento.  A Estratégia de Saúde da Família e o Pronto Atendimento de Emergência, que hoje ocupam o mesmo espaço na Unidade de Saúde 24 horas de Penedo, serão desmembrados.  A Prefeitura já retomou as obras da nova unidade de saúde, no Centro Comercial de Penedo, e pretende manter na atual estrutura somente os serviços direcionados à saúde da família.

Em Maromba, as obras de adaptação da Unidade de Estratégia de Saúde da Família também já se iniciaram, com a construção de uma sala para atendimento de urgência, e reforma geral do prédio, com diversas infiltrações, entre outros problemas.  Com a conclusão dos serviços, a Prefeitura planeja implantar o atendimento 24 horas e colocar uma ambulância UTI baseada na unidade.

A primeira obra a ser entregue do plano de trabalho da Secretaria de Saúde será a ampliação da Unidade Básica de Saúde do Marechal Jardim, cuja inauguração está prevista ainda neste mês de fevereiro. No local, estão sendo construídas salas de vacina e de administração, espaço para a cozinha, além da ampliação da recepção e da troca do telhado.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. O negócio é arrumar um modo de desviar, m montar o que foi desmontado, e porque desmontaram?
    Peeguntas que não querem calar , e que os sangues sugas não vão dizer.

Untitled Document