sábado, 19 de setembro de 2020 - 06:21 h

TEMPO REAL

 

Capa / Região / Padrasto é suspeito de ser o autor do incêndio que matou três crianças em Paraty

Padrasto é suspeito de ser o autor do incêndio que matou três crianças em Paraty

Matéria publicada em 25 de janeiro de 2020, 08:08 horas

 


Delegado diz que crime foi motivado por ciúmes; três irmãos – de 7, 4 e 5 anos – morreram no incêndio

Paraty – A Polícia Civil prendeu, nesta sexta-feira, o companheiro da mãe das crianças mortas num incêndio em Paraty, na manhã desta sexta-feira. De acordo com o delegado Marcelo Russo, titular da 167ª DP (Paraty), o crime foi motivado por ciúmes.

Três irmãos, um de 7 anos, outro de 4 anos e um mais um de 5 anos, morreram no incêndio. A mãe das crianças, Dara de Almeida Santos de Souza, de 25 anos, inalou muita fumaça e segue internada no Hospital de Praia Brava. As informações são do Jornal Extra.

— Nós ouvimos o depoimento de sete testemunhas, incluindo a avó e a babá das crianças. O acusado havia criado a história de que um dos filhos seria o autor do fogo nos colchões do quarto, por ele ser muito levado. Ele planejava se livrar das crianças, que já demonstravam grande temor do padrasto, para viver só com a mulher. Mas contradições no depoimento desvendaram a autoria desse crime — explica o delegado.

O suspeito começou a ser ouvido no início da noite desta sexta-feira. Dara, a mãe das crianças, inalou muita fumaça e foi levada em estado grave para a unidade de saúde.

Vizinho do imóvel, Cícero da Silva disse que outros moradores da região tentaram salvar as crianças, mas não deu tempo:

— De repente, escutamos uma gritaria. Aí a minha mulher e meu filho acordaram. Ela falou que estava pegando fogo na casa e que tinham crianças lá dentro. Meu filho correu com os amigos para socorrê-las. A mulher estava pedindo socorro. Foi aquele alvoroço. O pessoal desesperado, saindo correndo com balde de água, com escada, querendo derrubar a parede. Infelizmente, não deu tempo e aconteceu essa tragédia — detalhou Cícero ao “RJTV”, da TV Globo.

As crianças vítimas foram identificadas como Marya Alice de Almeida Santos da Conceição, de 4 anos, Cauã de Almeida Santos da Conceição, de 5 anos, e Marya Clara de Almeida Santos, de 7 anos. Os sepultamentos vão ocorrer neste sábado, às 10h, no Cemitério Municipal de Paraty.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

2 comentários

  1. Avatar
    Capeta da grota do Santa cruz

    Deveria cumprir no mínimo a metade da pena.

  2. Avatar

    e depois há quem não defenda a pena de morte, veja que absurdo, se ao menos ela existisse, se bem que até existe, porém só em caso de guerra declarada, mas se fosse uma forma de punição para crimes de morte muita gente pensaria duas vezes antes de praticar um crime hediondo desses por causa de ciúmes da mãe com as crianças, um absurdo isso.

Untitled Document