quinta-feira, 20 de setembro de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Região / Quatro vans vão atender pacientes que fazem tratamento fora de Resende

Quatro vans vão atender pacientes que fazem tratamento fora de Resende

Matéria publicada em 24 de agosto de 2018, 16:53 horas

 


Novos veículos foram comprados com recursos do município e serão usados somente na área da saúde

Resende – Os pacientes que fazem tratamento de saúde em outras cidades através do serviço de Tratamento Fora de Domicílio (TFD) serão atendidos com muito mais conforto e segurança a partir de setembro, quando entram em operação as quatro novas vans adquiridas pela prefeitura, especialmente para a realização deste serviço. Os novos veículos, que foram comprados com recursos próprios e chegaram ao município esta semana, são muito mais modernos e confortáveis. Eles farão o transporte dos pacientes de suas casas até os hospitais e clínicas onde os tratamentos são realizados.
No início da atual gestão, a prefeitura precisou interromper o contrato de locação das vans que realizavam este serviço e que custava aos cofres públicos R$ 67.500,00 mensais, ou seja, R$ 810 mil/ano, com previsão de renovação estimada em R$ 1 milhão. Com a interrupção do contrato, a Prefeitura passou a utilizar veículos próprios, que passaram por manutenção, para fazer o transporte dos pacientes.
– Para garantir eficiência dos serviços e a segurança dos usuários, os motoristas que atuam no TFD, e que transportam cerca de cem pacientes diariamente, passam periodicamente por cursos de capacitação para condução de passageiros, oferecidos pelo SEST/SENAT. Desta forma, garantimos que essas pessoas saiam e voltem para suas casas com toda segurança necessária – observa o superintendente de Transporte e Trânsito, Vinicius Cibien.
Para o secretário de Saúde, Alexandre Vieira, o conforto que os novos veículos proporcionarão aos pacientes e seus familiares, já que muitos deles podem fazer a viagem com acompanhante, é o maior benefício que a aquisição dos veículos pode trazer, especialmente porque, em muitos casos, o tratamento pode durar várias semanas ou meses.
– Este tipo de tratamento é muito desgastante para os pacientes, que além de enfrentar a estrada ainda precisam passar pela terapia em um município distante, onde não conhecem praticamente ninguém. E muitos deles fazem isso diariamente. Nessas horas, contar com um meio de transporte confortável é muito importante e faz uma enorme diferença – disse o secretário, explicando que, com a aquisição dos novos veículos, os que anteriormente eram utilizados pelos pacientes serão remanejados para outros serviços, como o transporte das pessoas que fazem fisioterapia e dos pacientes que necessitam de hemodiálise e fazem o tratamento dentro de Resende. Atualmente, o transporte dessas pessoas é feito por kombis.

Veículos chegaram ao município de Resende esta semana
Credito: ( Gleisiane Carvalho )

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document