sexta-feira, 14 de maio de 2021 - 05:02 h

TEMPO REAL

 

Capa / Região / Rodrigo Drable baixa decreto e permite retorno de ensino presencial

Rodrigo Drable baixa decreto e permite retorno de ensino presencial

Matéria publicada em 13 de abril de 2021, 18:36 horas

 


Medidas saem em conjunto com as adotadas pela Prefeitura de Volta Redonda e de acordo com o que foi acertado com o MPRJ

Barra Mansa – O prefeito Rodrigo Drable baixou nesta terça (13) novo decreto contendo medidas de combate à contaminação pela Covid-19. As medidas saem em conjunto com as adotadas pela Prefeitura de Volta Redonda e de acordo com o que foi acertado com o Ministério Público do Estado do Rio (MPRJ). Entre as principais medidas definidas pelo decreto, está o retorno do ensino presencial no município. O prefeito também restabeleceu o atendimento ao público na prefeitura. As medidas valem até o dia 18 de abril. As aulas retornam dia 19 na rede municipal.

O horário de funcionamento do comércio será  de segunda a sexta-feira no horário de 10:00 horas às 18:00 horas e aos sábados de 09:00 horas às 13:00 horas, exceto para supermercados, farmácias, drogarias, padarias e atividades essenciais descritas no Decreto nº 10.282/2020 do Governo Federal, que poderão manter o funcionamento dentro do horário comumente praticado.

Bares, restaurantes, lanchonetes e estabelecimentos congêneres poderão funcionar até às 21 horas, em todos os dias da semana, e deverão cumprir as  medidas sanitárias previstas nos decretos anteriores. Somente poderão ser utilizadas 50% das mesas do estabelecimento. Estabelecimentos com capacidade para mais de 40 pessoas deverão submeter todos os presentes a verificação de temperatura antes de adentrar no recinto, não podendo ingressar aqueles com febre.

As casas de festas infantis e espaços de recreação infantil poderão funcionar até as 21:00 horas durante todos os dias da semana, observados os protocolos sanitários.

Os clubes sociais poderão funcionar para prática de esportes individuais.

As academias e estabelecimentos de prática de atividades físicas poderão funcionar de segunda-feira a sábado de 05:00 horas até as 22:00 horas, com até 50% da capacidade de ocupação, distanciamento de 1,5 metro entre os usuários e agendamento prévio, que deverá ser apresentado a fiscalização quando exigido, ficando o estabelecimento infrator sujeito a suspensão de seu alvará de funcionamento.

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

8 comentários

  1. Avatar

    Não entendo quem fala que crianças estão nas ruas.

    Tenho 2 filhos , um criança e outro adolescente e ninguém está na rua.

    Não é não.

    Os pais de hoje não dizem não aos filhos.

    Os que vão mandar para a escola são os que os filhos estáo nas ruas, pais que querem delegar aos outros a criação de seus filhos, pais que nunca fizeram um dever de casa com seus filhos.

  2. Avatar

    Além do Covid temos que enfrentar esses políticos que são um câncer para o nosso Brasil. Agora em relação a creche criança de 1 a 3 anos tem noção de distanciamento ? Os ônibus vão lotar como sempre ? . Para agradar algumas classes temos que colocar a população em risco ?

  3. Avatar

    E quanto ao transporte público os ônibus lotados, linha de volta redonda x vista alegre e vice versa, mais de 80 passageiros super lotação, quando não se tem competência para resolver é melhor o silêncio , ou a culpa é do comércio.

  4. Avatar

    Prefeito quando que vai começar chamar as professoras que passaram no processo seletivo???

  5. Avatar

    No momento em que o país tem aumento na média de mortos a cada 24horas retornar com o ensino presencial, deve ser muito lógico colocar as crianças em risco, sendo que não há nenhuma vacina para elas, sinceramente querem o caos completo.

    • Avatar

      É um absurdo o que o prefeito está fazendo com a educação, já faz mais de um ano que as crianças estão sem estudar, nem o ensino por vídeo aula ele implantou, e pode anotar aí, este ano as aulas não voltam. Nota zero para o prefeito no quesito educação.

  6. Avatar

    O país batendo recordes sucessivos de morte e este prefeito autorizando a volta das aulas presenciais. Ele será homem suficiente para assumir as mortes dos alunos ?

Untitled Document