>
domingo, 22 de maio de 2022 - 01:33 h

TEMPO REAL

 

Capa / Região / Saae-VR e Saae-BM pedem economia de água

Saae-VR e Saae-BM pedem economia de água

Matéria publicada em 25 de janeiro de 2022, 19:09 horas

 


Onda de calor aumenta o consumo e bairros altos e de ‘ponta de linha’  sofrem com redução no abastecimento

Foto: Cris Oliveira(PMVR).
Saae-VR vai trocar mais de cinco quilômetros de rede de abastecimento de água na Beira-Rio 

Volta Redonda e Barra Mansa – Os bairros mais altos e os que ficam mais distantes na rede de distribuição de água (na “ponta de linha”) das duas maiores cidades da região estão sendo atingidos por falta de água. O principal motivo é a onda de calor recente, que aumenta o consumo e faz com que a produção das estações de tratamento muitas vezes não consiga chegar a esses locais.

A situação fez com que o prefeito de Barra Mansa, Rodrigo Drable (DEM), pedisse em uma transmissão ao vivo por redes sociais que os munícipes economizem, evitando, por exemplo, a lavagem de carros e de calçadas, para que a água chegue a todos os pontos do município.

Em Volta Redonda, a situação é similar: o Saae-VR disse em nota que “vem solucionando constantes problemas no abastecimento ocasionados por quedas de energia elétrica, que danificam equipamentos como bombas que fazem com que a água chegue a partes mais elevadas, além de quedas de barreiras em dias de chuva, que acabam danificando equipamentos. Além disso, o consumo de água aumenta nesse período de temperaturas mais quentes”.

A autarquia afirmou que “para melhorar o abastecimento são necessários investimentos e a prefeitura está realizando esses investimentos. Um dos principais é a obra que vai substituir a rede de abastecimento de água da Avenida Almirante Adalberto de Barros Nunes, a Beira-Rio. A obra já foi iniciada e tem previsão para ser concluída em um ano. A obra vai trocar mais de cinco quilômetros de rede, com investimentos de aproximadamente R$ 13 milhões. O objetivo é resolver um problema histórico no abastecimento da cidade, beneficiando cerca de 130 mil habitantes nos bairros atendidos pela rede”, concluiu a nota.

O Saae de Barra Mansa afirmou que “devido ao período de verão com dias mais quentes, o Saae de Barra Mansa tem registrado um aumento significativo do consumo de água nos últimos dias. O mesmo ocorre em diversas cidades da região”.  A autarquia também destacou que há necessidade de investir renovação de redes, algumas já bastante antigas;

Na tarde desta terça-feira (25), a vice-prefeita de Barra Mansa, Fátima Lima, visitou pontos altos da cidade, como ruas da Região Leste e do bairro Getúlio Vargas, onde o abastecimento pode ser garantido através de caminhões-pipa.

“Sabemos que esta é uma situação recorrente em vários municípios neste período de verão. A tendência é que o consumo aumente com o calor, mas pedimos que os moradores economizem água, pensando naqueles que moram em locais mais altos e em ruas com finais das redes de distribuição, pois pode haver falta de pressão de água suficiente para garantir o abastecimento a essas localidades. O Saae vem tomando as devidas providências, disponibilizando carros-pipa, por exemplo. Mas precisamos pensar no próximo e também levar em consideração a proteção ao meio-ambiente”, destacou a vice-prefeita durante visita à Subprefeitura da Região Leste.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

4 comentários

  1. Esperaram uma situação de agravamento para avisar a população. O que fizeram durante um ano para amenizar o problema???

  2. Parque do contorno é o bairro que mais falta água e luz. Porquê fui comprar cada aqui???? Que raiva!!!

  3. Bairro São João sucateado, a Light tá podre aqui…queda de luz constante várias vezes por dia. Também né? Quem vendeu e quem é o dono? Quer q desenhe?

    • É porque você não mora no parque do contorno. Pensa num bairro que cai a luz à toa! Fora a água que acaba e demora a voltar.

Untitled Document