quarta-feira, 19 de fevereiro de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Região / Vacinação contra o sarampo é intensificada em Volta Redonda

Vacinação contra o sarampo é intensificada em Volta Redonda

Matéria publicada em 20 de janeiro de 2020, 18:22 horas

 


Todas as 46 unidades de saúde estão oferecendo a vacina de 8h às 17h
(Foto: Arquivo)

Volta Redonda- A vacinação contra o sarampo está sendo intensificada em todas as unidades de saúde até o dia 13 de março. As doses estão sendo aplicadas de 8h às 17h. A Secretaria Municipal de Saúde voltou a informar, que desde 2013, nenhum caso da doença foi registrado em Volta Redonda. O público-alvo da vacinação são crianças a partir de seis meses até adultos de 49 anos, não vacinados ou que estejam com seu cartão vacinal incompleto.

Para pessoas acima de 50 anos, a recomendação é buscar a vacinação em casos de viagem para localidades com a circulação viral ativa, se não teve a doença e não recebeu anteriormente dose da vacina. Essas pessoas deverão ser vacinadas em dose única.

O prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva, lembrou que é importante levar a caderneta de vacinação a uma unidade de saúde para verificar sempre se há necessidade de atualização.

– É importante que nossa população esteja vacinada para que a doença não afete a nossa cidade. As pessoas que estão dentro do público alvo devem procurar a unidade de saúde mais próxima de sua residência para tomar a vacina ou para tirar dúvida sobre a imunização. O profissional da unidade tem condições de avaliar caso a caso a necessidade da vacinação e o número de doses – afirmou o prefeito.

De acordo com a coordenadora da Divisão de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Milene de Souza Silva, a campanha de intensificação amplia a cobertura vacinal.

– Os pais que ainda não levaram os seus filhos para vacinar devem procurar uma unidade de saúde mais próxima da sua residência para a atualização da caderneta vacinal. É importante manter a vacinação em dia – disse Milena.

O secretário municipal de Saúde, Alfredo Peixoto, destaca que é um desafio ampliar os índices de vacinação.

– A vacinação é fundamental para a prevenção de doenças porque o sarampo é altamente contagioso. As unidades da atenção básica já disponibilizam a vacina durante o ano inteiro – acrescentou o secretário.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document