Novo modelo de atendimento no HSJB é aprovado por pacientes - Diário do Vale
quinta-feira, 23 de setembro de 2021 - 00:31 h

TEMPO REAL

 

Capa / Saúde / Novo modelo de atendimento no HSJB é aprovado por pacientes

Novo modelo de atendimento no HSJB é aprovado por pacientes

Matéria publicada em 24 de maio de 2021, 12:24 horas

 


Protocolo garante o tratamento contínuo na Rede Pública de Saúde

o objetivo da medida é garantir que o paciente tenha segurança que o seu tratamento será garantido – Foto: Divulgação PMVR.

Volta Redonda- Um novo sistema de atendimento desenvolvido pelo Hospital Municipal São João Batista (HSJB), permitiu que mais de setenta pacientes saíssem da unidade com as suas consultas marcadas com especialistas ou com tratamento agendado no Sistema Único de Saúde (SUS). O novo fluxo faz parte de um modelo de atendimento adotado na unidade hospitalar desde fevereiro deste ano, onde a  iniciativa vem sendo aprovada pelos pacientes.

O novo sistema de atendimento, além de fazer o referenciamento para a Rede Pública de Saúde, fornece aos locais onde o paciente será atendido um levantamento de todo o tratamento ocorrido durante o período de internação, como o diagnóstico da doença, tempo de internação, medicamentos utilizados, entre outros.

De acordo com a gerente de enfermagem do HSJB, Glauciléia Rodrigues de Souza, o objetivo da medida é garantir que o paciente tenha segurança que o seu tratamento será garantido.

“Com esse sistema de atendimento o paciente não fica perdido, ele sabe onde e quando deve procurar a assistência. Ganha também a saúde pública que vai minimizar os agravos que poderão vir com o tempo. Assim, o paciente passa a ser acompanhado pela unidade de saúde mais próxima da sua casa e não volta mais para o hospital para ser internado”, disse a enfermeira.

Paulo César Malaquias, de 57 anos, que acabou de receber alta, não economiza no elogio ao tratamento dispensado no HSJB.

“Aqui eles descobriram a minha doença e fui muito bem cuidado. Além disso, eu estou sendo transferido para outro médico que vai me acompanhar após a alta. Estou saindo com direção para onde preciso ir. Isso me tranquiliza bastante e me dá esperança que tudo vai dar certo. Muito obrigado a toda equipe do hospital”, disse o paciente.

Joice de Oliveira, 21 anos, comemorou a alta e o tratamento que terá acesso na rede pública de saúde. “Sabemos que o maior problema do SUS é o acesso a especialistas. Sair daqui com a minha consulta marcada me deixa muito feliz e emocionada. Esse referenciamento é muito importante”, disse Joice.

Thais da Silva, 30 anos, entrou no HSJB para fazer um parto e descobriu que o seu bebê tinha um problema de visão. Na última sexta-feira, quando ainda estava internada, foi informada que a avaliação com o oftalmologista estava marcada para esta segunda-feira.

“Recebi todo o apoio necessário nesse momento. Saí daqui na sexta-feira sabendo onde irei pegar os medicamentos que preciso com a avaliação do meu filho marcado. Nesse momento tão delicado o que eu precisava era de ter essa tranquilidade”, disse Thais.

A cardiologista e Clínica médica, Márcia Laureano Cândido, destaca que o novo sistema adotado no HSJB é muito útil, pois permite um tratamento integral do paciente, além de diminuir o índice de mortalidade. “O paciente passa a ter consciência que o tratamento dele não termina aqui e que precisa ser contínuo. Quando conseguimos fazer essa ponte, temos certeza que o tratamento não será interrompido e terá mais eficácia. Conseguimos assim, melhorar a adesão ao tratamento e a conscientização desse paciente”, explicou a médica.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document