sexta-feira, 29 de maio de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Sem categoria / Asilo Recanto dos Velhinhos precisa de doações em Pinheiral

Asilo Recanto dos Velhinhos precisa de doações em Pinheiral

Matéria publicada em 2 de abril de 2020, 16:35 horas

 


Pinheiral– Por conta da medida preventiva de isolamento social, o Recanto dos Velhinhos Francisco Gonçalves Barbosa, em Pinheiral, está fechado para a visitação, mas a entidade continua precisando da ajuda para manter suas atividades. Essa semana teve início em Pinheiral uma campanha para arrecadar alimentos e produtos de limpeza para a entidade.

O asilo divulgou uma lista dos principais produtos que precisa neste momento, como produtos de limpeza (sabão em pó; cloro; água sanitária; pinho sol (original); amaciante para roupas; limpador multiuso); alimentos (adoçante líquido; caixa de chá (mate, erva, doce, cidreira); margarina; biscoito água e sal ou cream-cracker; biscoito doce maria ou maisena, feijão, garrafa de suco, leite), além de itens como fralda geriátrica G e Extra G e papel higiênico.

Para doar, basta entrar em contato através do telefone (24) 3356-2801.

A administradora do asilo, Luiza de Fátima Machado, destacou que além destes produtos a entidade também está precisando de máscaras, luvas e álcool em gel.

– As pessoas que quiserem ajudar o asilo, basta entrar em contato com a gente através do telefone: (24) 3356-2801. Além dos produtores de limpeza e os alimentos, também estamos com uma demanda de máscaras e luvas, pois não estamos conseguindo adquirir esses objetos – disse Luzia.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. Avatar

    Nao sei pq pinheiral se emancipou da prefeitura de volta redonda tem uma prefeitura que depende da prefeitura de volta redonda se tem algum caso de emergencia medica vai para a uhg um atropelamento ugh volta redonda, policiamento vigessimo oitavo vokta redonda , agora nao tem situaçao para ajudar o asilo dos velhinhos, retorna para maos do samuca, vai ter o que tem e muito mais ….

Untitled Document