Câmeras da Ordem Pública vão ampliar a proteção e o cuidado aos idosos na Policlínica da Melhor Idade

Unidade contará com sistema de monitoramento 24 horas por dia após ser reformada; objetivo é garantir os direitos dos maiores de 60 anos

by Agatha Amorim

Foto: Divulgação/Semop

Volta Redonda – A Policlínica da Melhor Idade de Volta Redonda, localizada no bairro Jardim Paraíba, está com as obras de reforma em fase final. Depois de inaugurado, o espaço contará com o monitoramento por câmeras da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), 24 horas por dia. O serviço vai ampliar a proteção e o cuidado com os idosos, garantindo respeito aos direitos dos maiores de 60 anos.

O secretário de Ordem Pública de Volta Redonda, tenente-coronel Luiz Henrique Monteiro Barbosa, juntamente com um representante da Vegas Vigilância e Segurança – empresa responsável pela instalação das câmeras – realizou uma visita técnica para identificar os locais onde os equipamentos serão colocados. Ele destacou a proposta do monitoramento.

“O objetivo é ampliar a proteção e o cuidado com a população idosa. A Policlínica da Melhor Idade será monitorada não só pela empresa contratada, mas também pelo Ciosp (Centro Integrado de Operações de Segurança Pública), 24 horas. Teremos também sensor de presença e o ‘botão do pânico’, que em situações de iminente perigo aciona o Ciosp, que, por sua vez, emite alertas para a Polícia Militar e Guarda Municipal. Este serviço garante tranquilidade aos usuários e também aos profissionais”, destacou o secretário Luiz Henrique.

 

Décima cidade com mais idosos no Brasil

Dados do Censo 2022, divulgados no ano passado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), mostram que Volta Redonda é a 10ª no ranking das cidades com mais idosos no Brasil, considerando apenas os municípios com mais de 100 mil habitantes. Dos 261.563 moradores, 14,47% são idosos, o que representa mais de 37 mil pessoas. Já o Rio de Janeiro é o segundo estado com maior percentual de população idosa no Brasil, com 13,1% das pessoas tendo 65 anos ou mais.

Aliado ao monitoramento, a Semop conta com a Patrulha de Proteção ao Idoso, serviço pioneiro criado em junho de 2022 pelo secretário municipal de Ordem Pública, tenente-coronel Luiz Henrique Monteiro Barbosa. A patrulha atua no combate a situações de violência, além de levar informações à sociedade sobre os direitos da Melhor Idade por meio de palestras e ações itinerantes.

“A garantia e a proteção dos idosos têm sido a nossa prioridade, fortalecida com a Patrulha de Proteção ao Idoso. Quem tiver conhecimento de abuso contra idosos deve ligar para os telefones 153 (Guarda Municipal), 190 (Polícia Militar) ou 197 (Polícia Civil)”, orientou o secretário.

You may also like

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

(24) 99926-5051 – Jornalismo

(24) 99234-8846 – Comercial

(24) 99234-8846 – Assinaturas
.

Image partner – depositphotos

Canal diário do vale

colunas

© 2024 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996