segunda-feira, 24 de janeiro de 2022 - 23:41 h

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Paradas de transatlântico sobem de duas para nove  no Centro de Angra

Paradas de transatlântico sobem de duas para nove  no Centro de Angra

Matéria publicada em 24 de novembro de 2018, 12:40 horas

 


Angra dos Reis – A temporada 2018/2019 dos transatlânticos em Angra dos Reis começa no próximo dia 26, com o navio MSC Fantasia, que tem capacidade para 3.500 pessoas, na Vila do Abraão, Ilha Grande.

Aliás a localidade também será contemplada, no dia 12 de dezembro, com a terceira parada na costa brasileira de um dos gigantes do mar, o navio Sea View, da também da MSC, com capacidade para 5.000 passageiros.Além do aumento do número de paradas nesta temporada, de 45 para 47, outra novidade será o número maior de paradas no centro da cidade.

Na última temporada foram duas paradas e neste ano, serão nove, ou seja, seis a mais.Um belo receptivo com mostras de artesanato, serviço de táxi e de micro-ônibus, entre outros, será montado nos locais de chegada dos transatlânticos, com o objetivo de melhor atender os turistas.- Os transatlânticos são de suma importância para o turismo, pois trarão mais de 180 mil visitantes nesta temporada, injetando dinheiro novo no comércio e serviços turísticos.

Este é o resultado de uma ação conjunta com as agências feita na última temporada, que ofertou um receptivo que foi visto com bons olhos pelos agentes, que aumentaram consideravelmente as paradas em Angra – declarou João Willy, presidente da TurisAngra.

 

Saiba quando e onde estarão os transatlânticos na temporada:

Ilha Grande:
26/11 – MSC Fantasia, parada das 7h às 19h
09/12 – MSC Orchestra, das 7h às 19h
12/12 – Msc Seaview, das 7h às 19h
15/12 – MSC Fantasia, das 7h às 21h
16/12 – Marina, das 8h às 18h
17/12 – MSC Orchestra, das 7h às 19h
19/12 – Costa Favolosa, das 8h às 18h
21/12 – MSC Seaview, das 7h às 19h
28/12 – MSC Seaview, das 7h às 19h
31/12 – MSC Orchestra, ds 7h às 19h
06/01 – MSC Orchestra, das 7h às 19h
12/01 – MSC Orchestra, das 7h às 19h
18/01 – MSC Seaview, das 7h às 19h
20/01 – MSC Seaview, das 7h às 19h
21/01 – MSC Orchestra, das 7h às 19h
21/01 – Seven Sears Explorer, das 8h às 17h
27/01 – MSC Orchestra, das 7h às 19h
01/02 – MSC Seaview, das 7h às 19h
03/02 – MSC Seaview, das 7h às 19h
06/02 – MSC Orchestra, das 7h às 20h 8h às 18h
14/02 – Sirena, das 8h às 18h
15/02 – MSC Seaview, das 7h às 19h
17/02 – MSC Orchestra, das 7h às 19h
25/02 – MSC Fantasia, das 7h às 19h
28/02 – MSC Fantasia, das 7h às 19h
01/03 – MSC Seaview, das 7h às 19h
06/03 – MSC Orchestra, das 7h às 19h
07/03 – MSC Fantasia, das 7h às 19h
08/03 – MSC Seaview, das 7h às 19h
14/03 – MSC Seaview, das 7h às 20h
16/03 – MSC Orchestra, das 7h às 19h
19/03 – Costa Favolosa, das 8h às 18h
23/03 – MSC Seaview, das 7h às 19h
25/03 – MSC Orchestra, das 7h às 19h
26/03 – Costa Favolosa, das 8h às 18h
29/03 – MSC Seaview, das 7h às 19h
03/04 – MSC Orchestra, das 7h às 19h
15/04 – Sirena, das 8h às 18h

Centro da Cidade:
16/12 – Costa Fascinosa, das 12h às 20h
08/01 – Costa Fascinosa, de 0h das 20h
16/01 – Costa Fascinosa, das 12h às 20h
21/1 – Seven Seas Explorer, das 7h às 19h
24/01 – Costa Fascinosa, das 12h às 20h
01/02 – Costa Fascinosa, das 7h às 19h
09/02 – Costa Fascinosa, de 0h às 20h
18/02 – Costa Fascinosa, de 0h às 20h
28/02 – Costa Fascinosa, das 8h às 18h

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

3 comentários

  1. Gostaria de saber se estão pensando na segurança dos turista, pois em Angra não mais liberdade de passear durante o dia imagina a noite. Politicos deixaram bandidos invadirem Angra e agora não tem mais o que fazer.Tenho família em Angra e não tenho mais coragem de ir para esta cidade e quando vou não saio de casa.

  2. Ao invés dos navios darem salva vidas teriam que dar colete a prova de bala.
    Só maluco vai nesse lugar.
    Covardia que faz com os passageiros desavisados.

  3. OS TURISTA QUE CHEGARAM EM ANGRA SÃO CEGOS SURDOS NÃO LE NOTICIAS DESTA CIDADE SITIADA POR TRAFICANTES .NÃO DESEMBARCARIA NEM MINHA CANOA NESTA CIDADE.

Untitled Document