terça-feira, 22 de setembro de 2020 - 04:44 h

TEMPO REAL

 

Capa / Tempo Real / 28º Batalhão da Polícia Militar tem nova comandante

28º Batalhão da Polícia Militar tem nova comandante

Matéria publicada em 31 de janeiro de 2020, 17:42 horas

 


Troca de comando aconteceu nesta sexta-feira (31), Andréia Campos assumiu no lugar de Luciana de Oliveira, que foi deslocada para o 37º BPM

Tenente-coronel Andréia Campos é a nova comandante do 28º BPM
(Foto: Paulo Dimas)

Volta Redonda- O 28º Batalhão da Polícia Militar de Volta Redonda tem uma nova comandante: tenente-coronel Andréia Ferreira da Silva Campos assumiu o batalhão na tarde desta sexta-feira (31), no lugar da também tenente-coronel Luciana Rodrigues de Oliveira. Andréia Campos estava à frente do 37º BPM, que será ocupado por Luciana, o batalhão é responsável pelas cidades de Resende, Itatiaia e Quatis.

Luciana de Oliveira foi à primeira mulher a comandar o 28º BPM assim como a sua sucessora Andréia Campos no 37º. A tenente-coronel, Luciana de Oliveira, comentou que durante um ano e um mês que esteve no 28º recebeu apoio dos oficiais e de toda a sociedade. Ela destacou que durante o seu comando pôde aproximar a PM da população.

– Foi um grande desafio ter comandado o 28º BPM, mas eu recebi apoio dos oficiais, e de toda a sociedade civil e tenho certeza que fiz o meu melhor. Nesse período pude me aproximar da população mostrando um lado mais humano dos oficiais, trazendo a sociedade para perto da Polícia Militar com ações nas comunidades junto às associações de moradores e isso nos ajudou até com o aumento de denúncias anônimas e na resolução de casos, tendo os moradores como aliados – disse.

Luciana ao deixar o batalhão informou sobre os números conquistados nas ações que foram efetivadas pelo batalhão em 2019. O 28º BPM ocupa o sétimo lugar no Estado em apreensões de armas. A tenente-coronel informou que no ano passado foram feitas 1.541 prisões, 319 menores apreendidos, 616 cumprimentos de mandados de prisão e 318 armas apreendidas. Em relação à troca de comando Luciana de Oliveira disse que a mudança nos batalhões é normal e faz parte de uma renovação dentro da corporação.

A tenente-coronel Andréia Campos pretende dar continuidade as estratégias adotadas no 37º BPM tendo como parceira a sociedade.

– A parceira que tivemos com a sociedade e com as associações de moradores no 37º BPM deu certo. E pretendo continuar com as ações no 28º, algo semelhante ao que a tenente-coronel Luciana fez. A população é muito importante para nós, essa parceria com todos é fundamental para o nosso trabalho – disse a comandante Andréia Campos.

A tenente-coronel também foi a primeira mulher a assumir o comando no 37º BPM, Andréia Campos comentou que a Polícia Militar é um meio democrático e ter ficado à frente do batalhão foi uma experiência impar. Ela destacou que o 37º atingiu todas as metas no ano passado.

– No último semestre de 2019 a unidade atingiu todas as metas e foi a que mais reduziu homicídios no Estado do Rio. Menos 54,35% de casos – contou, acrescentando que sua expectativa para comandar o 28º BPM é igualmente um desafio.

O delegado adjunto da 93ª DP (Volta Redonda), Rodolfo Atala, comentou sobre a mudança no comando do batalhão.

– As mudanças no comando dos batalhões são normais e de certa maneira trazem uma oxigenação. A comandante Luciana de Oliveira fez um excelente trabalho e as referências da nova comandante estão à altura. Agora é organizar a interação entre a Polícia Militar e Civil para que o resultado aconteça – declarou o delegado.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

17 comentários

  1. Avatar

    Ten Cel Luciana fez um excelente trabalho aqui no comando do batalhão principalmente acabando com as blitz das motos aptran .

    • Avatar

      e bom mesmo aumentou o roubo de motos e carros e cada lata velha q nem Luciano Hulk da jeito kkkkkk vc deve ser doentinho ou vivia andando errado pois agora ale do rolezinho tem o rolezinho de moto kkķkkķ isso q vc falou e papo de quem anda errado se havia corrupto e pq existe o quem da o dinheiro q tb é crime

  2. Avatar

    Pra Volta Redonda voltar a cidade que era antes é só trazer os policias que fizeram a vagabundagem tremer. Cléber, Francis, Guimarães, Silva Marques. Esses tem meu respeito, não ficavam passeando de viatura, com vidros fechados, óculos escuros e ar condicionado igual o batalhão inteiro faz. Esses são polícia pra cassete que vagabundo corre.

  3. Avatar

    Tirar o ladrão de um batalhão e mandar para o outro não resolve o problema do tráfico de droga na nossa região, vc só aumenta o poder deles na nossa regiões, se o delegado liberar para o MP de Resende o que ele tem ou o que ele sabe desses traficantes que foram transferido para volta redonda vai ajudar e muito a sociedade e a coronel a realizar o belo trabalho que fez em Resende. Muito sucesso para a senhora, a população resendense agradece a senhora.

  4. Avatar

    Ela fez um belo trabalho em Resende, tirou as laranjas podres do batalhão mas errou em mandar para volta redonda onde ela vai trabalhar. Cuidado pra eles não derrubarem seu comando e manchar o belo trabalho. Boa sorte .

  5. Avatar

    Volta Redonda merece mais segurança. Não podemos nos igualar a outras cidades do Rio de Janeiro, esse estado maldito. Há bairros aqui que a polícia já não entra e, enquanto isso, os policiais estão indo atrás de quem mata uma capivara rs. Ridículo!

    • Avatar

      Não existe qualquer bairro em VR onde seja proibido o ir e vir, nenhum. Te desafio a mostrar onde alguém tenha que pedir permissão pra bandido a fim de entrar, fazer entregas ou prestar seus serviços
      Vou ao Açude, Coqueiros, Padre Josimo, Três Poços, tudo bairro comum. Vc não vê “soldados” armados ostensivamente nas ruas… Isso só acontece em Angra e no Grande Rio…

  6. Avatar
    Ex morador de Angra

    Esperamos que as Autoridades principalmente do 28° BPM Prefeitos e Deputados da nossa Região atuem com Urgência Urgentissimo o abate aos traficantes que estão saindo de ANGRA para VRedonda e Barra Mansa, estão fugindo, cortem o mal pela raiz, e os moradores denunciem antes que suas filhas ou mulheres virem escravo sexual desses demônios.

    • Avatar

      Sim estão presos e os comparsas foi transferido para volta redonda kkkk, abraça essa Cidade do aço. Segura o oclin aí, o maior traficante da região transferido de policial.

  7. Avatar

    O que deu o caso do vereador ligado a traficantes? A justiça está devendo essa para o povo.

  8. Avatar

    Aproveitando alguém tem noticias dos militares que estavam com drogas em Resende ?
    Continuam presos ?

  9. Avatar

    Boa sorte às oficiais.

  10. Avatar

    Boa sorte à tenente-coronel Luciana Rodrigues de Oliveira no novo desafio!

    Seja bem vinda à VR, tenente-coronel Andréia Ferreira da Silva Campos! Só para lembrar: aqui cobramos mais eficiência dos servidores públicos.

    Interessante a antiga comandante dizer que promoveu a aproximação da população com o 28º BPM. Eu só via PMs conversando com gente de boné e calça caindo pela bunda e chinelo. Nunca vi PM conversando com pai e mãe de família.

    Tudo a ver com policiais. O delegado deputado ou deputado delegado confunde povo com classe dos policiais. Será que a comandante tbm confundia gente de boné, calça pela bunda e chinelo com povo??

Untitled Document