terça-feira, 11 de dezembro de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Polícia / Acidente entre van escolar e carro deixa 14 feridos na BR-393 em Barra do Piraí; entre as vítimas 12 crianças

Acidente entre van escolar e carro deixa 14 feridos na BR-393 em Barra do Piraí; entre as vítimas 12 crianças

Matéria publicada em 14 de novembro de 2018, 11:52 horas

 


Batida entre carro e van deixa feridos na BR 393 nesta manhã (crédito PRF)

Barra do Piraí – Um acidente entre uma van escolar  e um carro de passeio, modelo Agile, por volta das 7 horas, deixou 14 feridos na manhã de quarta-feira: doze crianças e dois adultos. O acidente ocorreu ocorreu na BR-393, no Km 255, no trevo entre Barra do Piraí e Belvedere, segundo informações da PRF (Polícia Rodoviária Federal).

Equipes de resgate da Aciona, Bombeiros e Samu levaram  as vítimas do acidente para a Santa Casa de Misericórdia de Barra do Piraí.  Duas crianças teriam sido transferidas para um hospital particular, mas não foi informado qual unidade de saúde, apenas que uma ficará em observação e a outra fará uma cirurgia em um dedo.

Os dois adultos- que ainda não tiveram os nomes divulgados – e as outras 10 crianças foram liberadas após atendimentos na Santa Casa.

Ainda de acordo com a PRF o motorista do carro de passeio, um homem de 30 anos, não se feriu.  O motorista da Van de 36 anos também não teve ferimentos. De acordo com a PRF, o documento da Van está vencido desde 2006. Agentes da PRF autuaram o motorista da Van, que ficou apreendida e será liberada somente depois que regularizações foram concluídas.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

12 comentários

  1. E quem é responsável por fiscalizar transporte de estudantes nesta cidade?

  2. É crime , roubar, subtrair , cobrar por serviços não feito, Como se cobram pedágio sem ter retorno . É uma injustiça até hoje não ter feito a duplicação do trecho .A questão do documento não tem nada vê com o acidente . Por outro lado os veículos estão em dia com documentos. Houve um acidente numa rodovia que se paga pedágio há anos . Quem é o culpado heim ?????? Se o trecho estivesse duplicado , não haveria esse acidente….A mídia da região tem que crítica esse não comprimento do contrato da duplicação.

  3. Deixem de demagogia cada um na sua.Como disse ontem nosso futuro presidente no jornal nacional (14/11) ninguém é 100% só meu pai e minha mãe.

  4. Gente : vamos esquecer a questão do documento. Documentos e carta de motorista não guia carro . Gente, vamos ser inteligente !!! Estamos pagando pedágio há anos e nada de duplicação. Se tivesse já duplicado o trecho , Esse acidente provavelmente não teria acontecido.A morte daquela moça da Califórnia lá na ponte sobre o Rio Paraíba do sul . Poxa: A maioria não tem visão de águia . Aquele pedágio teria que ser extinto pela justiça .Morte aqui morte alí acidente aqui e acidente ali e aonde está a justiça desse país ????????? Que não acaba de vez com esse pedágio?

  5. Volta Redonda que eu quero

    Terceiro mundo….paga se pedágio…o Governo não fiscaliza e nem exige cumprimento de contrato…e é isso…Estamos abandonados…aqui nos trevos do São Luiz e do Conplexo Califórnia…podemos traduzir em uma desordem….nada é feito…não tem autoridades…prefeito..vereador..Dnit..ANTT..policia rodoviária..so multa..em algum tempo faremos parte do terceiro mundo asiático….
    .

  6. Olá Anderson o que vc disse até tem sentido, porém não é o caso. No ocorrido havia uma van que transporta crianças com documento vencido, ou seja, sem vistoria de segurança para circular

  7. Estas rodovias de mão dupla são matadouros de pessoas, é muito arriscado, e na BR-393 são muitos caminhões que viajam longos trajetos, desde Barra Mansa até à Bahia, região noroeste do Estado, etc, motoristas cansados que podem dormir ao volante ou se distrair e bater de frente com outro veículo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document