segunda-feira, 29 de novembro de 2021 - 11:22 h

TEMPO REAL

 

Capa / Saúde / Alimentação na quarentena requer certos cuidados comportamentais

Alimentação na quarentena requer certos cuidados comportamentais

Matéria publicada em 8 de maio de 2020, 21:37 horas

 


Alimentação saudável é fundamental para o bom funcionamento do sistema imunológico, recomenda nutricionista
(Foto: Arquivo)

Volta Redonda– Não é preciso ser especialista para afirmar que na quarentena as pessoas estão comendo mais. Por outro lado, comer mais nem sempre significa se alimentar de forma saudável. De acordo com a nutricionista, Nadjanayra Melek, neste momento em que todos estão vivendo mais reclusos, o cuidado com a alimentação é primordial para o bom funcionamento do sistema imunológico.
– Ficar em casa por obrigação acaba gerando uma ansiedade e tédio o que leva muitos a descontar isso na comida. Em relação a isso, temos que pensar muito além do que a própria alimentação, temos que nos se atentar a abordagens comportamentais – lembrou.
O ideal segundo a nutricionista, é uma variedade alimentar para o fortalecimento do sistema imunológico.
– Se nos alimentamos de maneira variada, consumiremos todos os nutrientes e outras substâncias, que são necessárias para o sistema imune se manter com bom funcionamento. O ideal para uma pessoa saudável é não proibir, mas se alimentar com equilíbrio e busque sempre variedade de hortaliças nos pratos – disse.
De acordo com Nadjanayra, a preparação da própria alimentação em casa proporciona algumas vantagens.
– Preparando a alimentação em casa temos um controle maior do que estamos nos alimentandos, podendo dar prioridades a alimentos mais saudáveis, como vegetais, frutas e grãos. E o momento é ideal para isso, tendo em vista que estamos com tempo menos corrido – destacou.
A nutricionista destacou que algumas pessoas estão estendendo seus horários com a quarentena social e dormindo mais tarde.
– A fim de evitar a vontade de comer em excesso o tempo todo em casa, recomendo fazer as refeições habituais ao longo do dia, mesmo que acorde mais tarde que o normal: café da manhã, colação, almoço, lanche da tarde, janta e ceia, sem porções exageradas – lembrou.
Para a nutricionista é possível mesmo com a opção delivery escolher um cardápio mais saudável e que não engorde.
– Hoje em dia isso é possível, pois já temos diversas opções saudáveis sendo entregues em nossas casas – afirmou.
Em relação a hora de ir ao supermercado, a nutricionista disse que a escolha de uma compra mais nutritiva e menos calórica é essencial para uma boa saúde.
– A dica é válida para quarentena e para à vida cotidiana, e evite ir ao mercado com fome, assim não compra pelo “olho” e “barriga”, prepare antes uma lista de compras e busque comprar somente o que está nela – alertou.
Além de uma alimentação mais saudável, a atividade física também é primordial para uma boa saúde, recomendou Nadjanayra. Mas com as academias fechadas, isso não serve de desculpa, lembrou, pois existem várias possibilidades de se exercitar em casa e o que não falta são bons profissionais online oferecendo isso nesse período de isolamento social.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document