sexta-feira, 13 de dezembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Atletas de Taekwondo de Volta Redonda se destacam em competição no nordeste

Atletas de Taekwondo de Volta Redonda se destacam em competição no nordeste

Matéria publicada em 2 de dezembro de 2019, 09:16 horas

 


Ana Clara Oliveira, Márcio Modesto Júnior, João Pedro Yamaguti e Sarah Cardin ficaram nas primeiras colocações da Copa do Brasil de Taekwondo

Volta Redonda – Quatro atletas de Volta Redonda se destacaram na Copa do Brasil de Taekwondo, que aconteceu nos dias 21 a 24 de novembro, em Natal, no Rio Grande do Norte. Dos mais de 650 atletas, de 23 estados, que participaram da competição, Ana Clara de Oliveira Silva Nascimento, Márcio Modesto Júnior, João Pedro Yamaguti e Sarah Cardin levaram medalhas para casa.

Márcio se tornou campeão da categoria cadete, 49 kg; Ana Clara se tornou vice-campeã da categoria infantil, 42 kg; João Pedro se tornou vice-campeão da categoria júnior, 45kg, e Sarah ficou em terceiro lugar na categoria cadete, 37kg.

O atleta André Pandelot também participou da competição, ficando na sétima colocação, em sua categoria.

Treinando o esporte há quatro anos, Ana Clara já é vice campeã de um campeonato brasileiro de Taekwondo
(Foto: Arquivo DV)

Para Ana Clara, de 11 anos, e sua mãe, Michele de Oliveira Silva Nascimento, a primeira viagem de avião foi maravilhosa.

– Foi maravilhoso, graças a Deus deu tudo certo e Ana Clara foi vice-campeã. Fomos para Natal dia 18 e voltamos dia 25. Foi corrido porque cada categoria foi um dia diferente então só conseguimos passear pela cidade depois das competições. Queria agradecer as pessoas que ajudaram na ‘Ação entre Amigos’ que realizamos para chegar até aqui – disse Michele.

Os pais, Michele e Marcelo de Oliveira Nascimento, acompanham o progresso da atleta mirim, que mora no bairro Água Limpa, há quatro anos. Ela conseguiu a vaga para a Copa do Brasil de Taekwondo após receber a medalha de prata no Super Campeonato Brasileiro, no Rio de Janeiro, no mês de agosto.

O esporte tem proporcionado novas experiências para a família.

– O que mais gostamos foi conhecer uma cidade tão bonita, que é Natal, através do esporte e da ajuda das pessoas ,se não fosse isso não estaria tão cedo nos nossos planos de estar indo até lá. Adoramos conhecer a diferença regional, em relação a cultura, alimentação, sotaque, entre outros. O campeonato não teve muita diferença do Super Campeonato porque os dois foram uma competição nacional, quase no mesmo nível – declarou a mãe da atleta mirim.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document