quarta-feira, 22 de maio de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Lazer / Bailarino de Porto Real participa de uma das maiores competições de dança do mundo

Bailarino de Porto Real participa de uma das maiores competições de dança do mundo

Matéria publicada em 19 de abril de 2019, 09:00 horas

 


World Ballet Competition (WBC) entre os dias 20 e 28, na cidade de Orlando/EUA

Cauã Pedro vai à Orlando em busca do sonho de se tornar bailarino profissional – Foto: Arquivo Pessoal/Arnaldo J.G.TOrres

Nos próximos dias, o bailarino Cauã Pedro, de 15 anos, aluno da Escola de Dança Fundação Porto Real, estará embarcando para Orlando, nos Estados Unidos. O jovem foi um dos mais de 100 bailarinos selecionados, em todo o Brasil, para participar do World Ballet Competition (WBC).
Cauã começou no balé não tem muito tempo, segundo ela sua descoberta aconteceu aos 13 anos, após ver o destaque de um aluno da Fundação.
– Me dedico ao balé há três anos, neste tempo afirmo que nunca sofri qualquer tipo de preconceito. Descobri o balé a partir de uma reportagem, que mostrava um outro aluno da escola que havia sido contratado por uma grande companhia. Aquela notícia me chamou a atenção e eu fui até a Fundação, fiz uma aula e não parei mais – lembra o jovem.
O WBC seleciona talentos por todo mundo, em diferentes modalidades solo e conjunto. A seletiva aconteceu em São Paulo e de lá pra cá a vida de Cauã mudou completamente, sua rotina de atividades e treinos foi totalmente modificada.
– Eu estudo fora de Porto Real, então meu dia começa muito cedo, às quatro horas da manhã eu já estou de pé. Quando volto da aula eu tenho cerca de meia hora para almoçar, me arrumar e ir para a Fundação, que é onde passo a maior parte do meu tempo – diz.
Cauã conta ainda que com a mudança na rotina, amigos e família tem ficado em segundo plano.
– Meu tempo sempre foi muito corrido, nesses últimos tempos com a dedicação para a apresentação em Orlando tudo se intensificou. Eu tinha meu tempo para os amigos e a família nos fins de semana, mas agora esse tempo estou me dedicando aos ensaios também – destaca.
A diretora artística da Escola, Fernanda Chaves, explica que para a apresentação no WBC serão três coreografias de Ballet Clássico de Repertório e uma coreografia na modalidade de Dança Contemporânea, e por isso que os ensaios foram intensificados.
– São mais de 8 horas por dia de ensaios, o trabalho é intenso, pois o concurso exigirá o máximo de empenho dele em todas as apresentações – ressalta a diretora.
Para os jovens bailarinos, participar de concursos internacionais é uma oportunidade de serem vistos e analisados por diretores das mais conceituadas escolas de formação, além é claro da experiência e da possibilidade de ganhar alguns dos prêmios, que vai desde bolsas de estudos e dinheiro.
– Minha expectativa está muito grande, é uma oportunidade que pode mudar a minha vida. Isso sem contar a experiência e a troca com outros bailarinos. Estou me dedicando e me esforçando a cada dia para que eu possa me sair bem no concurso. Sei que vou competir com vários meninos de todo mundo, mas estou confiante que posso ir muito bem – diz.
Mas engana-se que é a primeira vez que Porto Real participa de competições internacionais, Cauã poderá ser o quarto bailarino da escola a seguir carreira no exterior.
– Poderemos ter mais uma grande conquista. Hoje, três dos alunos estão no exterior seguindo carreira e vivendo da Dança. Por ser um concurso muito famoso, Cauã terá a possibilidade de ser visto por representantes de várias escolas de mundo e quem sabe, conseguir um bolsa para seguir seu caminho – lembra a diretora geral da instituição, Emília Prota.

Escola de Dança Fundação Porto Real
A instituição conta atualmente com mais de 200 alunos e está com matrículas abertas para formação regular com aulas de Ballet Clássico, Jazz, Sapateado, Dança Contemporânea, Dança Infantil e Danças Urbanas. A escola funciona na Rua Ernesto Cianelli, 117, bairro Nova Colônia – Porto Real. Para mais informações (24) 3353-2407.

 

Por: Amanda Teixeira


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document