Baleado em Paraty, Mingau se prepara para cirurgia de reconstrução do crânio

Isabella Aglio, filha do baixista, informou em entrevista que o músico fará uma cranioplastia

by Mayra Gomes

Foto: Divulgação

Paraty – Após sete meses do acidente em Paraty, o músico Rinaldo Oliveira, mais conhecido como Mingau, da banda Ultraje a Rigor, se prepara para uma cirurgia de cranioplastia, procedimento com objetivo de reconstruir a parte do crânio retirada com o tiro no qual foi vítima em setembro de 2023.

Mingau permanece na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital São Luiz (SP) e não tem previsão de alta. Além do ferimento na cabeça, em fevereiro ele contraiu uma infecção gastrointestinal, complicando o quadro de saúde e atrasando a ida para casa.

As informações atualizadas foram compartilhadas pela filha do artista, Isabella Aglio, de 27 anos, em entrevista na manhã de quarta-feira (3). Ela disse ainda que a cranioplastia é a terceira cirurgia desde que o pai foi internado.

“Ele perdeu uma parte óssea do crânio, não deu para salvar. Então ele vai ter que colocar essa prótese não só por questões estéticas, mas para proteger e porque isso pode ajudar na recuperação”, disse Aglio.

Sempre acompanhada da mãe, Annamaria Aglio, a jovem fez um panorama desde a saída do baixista do hospital de Paraty. “Foi muito intenso. A gente não sabia se ele ia sobreviver. O primeiro mês foi um caos. Mas passou, ele fez duas cirurgias e depois de um mês passou o risco de perder a vida. Depois demorou uns 15 dias da segunda cirurgia para acordar, porque ele estava em coma induzido. Mas, para interagir mesmo, foi uns dois meses.”

Todas as duas cirurgias anteriores foram custeadas por uma arrecadação on-line promovida por Isabella nas redes sociais. A terceira, de cranioplastia, também será paga com as contribuições espontâneas. A meta da ‘vaquinha’ que está aberta é R$ 600 mil, sendo arrecadado até o momento pouco mais da metade do valor.

“A gente tem um perfil próprio para isso, o ‘Juntos Pelo Mingau’ [juntospelomingau no Instagram]. No perfil tem o link com todas as informações. A gente não sabia quantas cirurgias seriam feitas. Achamos que o médico do plano fosse credenciado e acabou não sendo”, afirmou justificando a abertura da ajuda pública.

A reconstrução do crânio fica entre R$ 120 mil a R$ 200 mil. O Sistema Único de Saúde (SUS) oferta o tratamento, mas o paciente pode ficar na fila de espera por mais de sete anos. A novidade sobre esse tema é que grupos brasileiros de pesquisa têm desenvolvido próteses com impressão 3D com igual eficácia e de 20 vezes menor custo aos cofres públicos.

Noite do acidente

Mingau foi baleado na cabeça por volta das 22h do dia 2 de setembro de 2023, no bairro Ilha das Cobras, em Paraty, um dia antes do aniversário de 56 anos.

Os quatro acusados de envolvimento, de acordo com a Polícia Civil de Paraty, foram presos conforme as investigações avançaram.

O músico estava de carro, em alta velocidade, acompanhado de um amigo, quando foram recebidos com disparos de tiros. O veículo ficou desgovernado e bateu no portão de uma casa.

You may also like

Leave a Comment

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

(24) 99926-5051 – Jornalismo

(24) 99234-8846 – Comercial

(24) 99234-8846 – Assinaturas
.

Image partner – depositphotos

Canal diário do vale

colunas

© 2024 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996