quarta-feira, 12 de agosto de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Barra Mansa inicia instalação de 30 placas de trânsito

Barra Mansa inicia instalação de 30 placas de trânsito

Matéria publicada em 9 de julho de 2020, 15:41 horas

 


Barra Mansa – A prefeitura de Barra Mansa iniciou nesta quinta-feira (09) a instalação de 30 placas de trânsito, orientando o distanciamento mínimo de 1,5 metros entre ciclistas e motociclistas. A sinalização será fixada em pontos onde há grande circulação de bicicleta para garantir maior segurança e incentivo ao hábito de pedalar.

Hoje foram instaladas oito placas entre os bairros Bocaininha e Rialto , e a previsão é que em até 20 dias os demais pontos recebem o sinal de alerta. O projeto é uma iniciativa da Subsecretaria de Juventude, Esporte e Lazer em parceria com a Ordem Pública, através da Guarda Municipal e da Coordenadoria de Trânsito e Transporte (Coortran).

Representantes de 15 grupos de ciclistas se reuniram na prefeitura para discutir e analisar a implantação das placas, no mês de junho. O município não obteve gasto com o material, pois a lâmina foi doada pela MBM (Metalúrgica de Barra Mansa) e os adesivos por algumas bicicletarias da cidade.

Marco Cambraia, coordenador da Subsecretaria de Juventude, Esporte e Lazer de Barra Mansa, celebrou o investimento.

– Estamos muito felizes em ganhar mais esse suporte e incentivo a prática de pedal. Em Barra Mansa existem inúmeros grupos de ciclistas, além das pessoas que trabalham e que fazem atividades físicas de bicicleta. Pensando nisso e com base no aumento dessa atividade, vimos a importância de ter esse cuidado e atenção com eles – disse.

O comandante da Guarda Municipal, Joel Valcir, destacou que a sinalização deve ser respeitada pelos condutores dos municípios.

– Apesar do município não registrar muitos acidentes envolvendo ciclistas, nosso objetivo é garantir a prevenção. Com o crescimento significativo de veículos e de bicicletas, essa iniciativa visa alertar os motoristas de que naquele local deve ser mantida uma distância maior das faixas laterais – concluiu.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

5 comentários

  1. Avatar

    O problema nem sempre e dos motoristas e sim ciclista q anda um do lado do outro invadindo a pista e o motoqueiro falta mas respeito a vidas deles msm , pois são ousados em ultrapassar em qualquer lado.

  2. Avatar

    Parabéns pela iniciativa a frente das demais prefeituras do Sul Fluminense. Nós ciclistas agradecemos imensamente.

  3. Avatar

    Enquanto isso aqui na vila nova antes da volta da pedra, a faixa de pedestre sumiu e nunca mais pintaram, mas em frente a padaria do “vereador” Luiz Antônio Cardoso tem retoque a cada 15 dias. Só estou esperando vir pedir voto, tanto ele quanto qualquer vereador do bairro. Irresponsáveis…

    • Avatar

      Isso aí!!! O Cachorro do Mato não pode ser esquecido nunca!!! Periferia também pertence a cidade!!! TMJ!!!

  4. Avatar

    Eu não sou contra a lei não….mas e os ciclistas que andam no meio da rua? Não tem a menor conciência?

    Como que dá distancia que um ciclista destes???

Untitled Document