segunda-feira, 17 de maio de 2021 - 18:33 h

TEMPO REAL

 

Capa / Boletins Covid-19 / Barra Mansa vai vacinar diabéticos de 18 a 44 anos

Barra Mansa vai vacinar diabéticos de 18 a 44 anos

Matéria publicada em 3 de maio de 2021, 17:46 horas

 


Barra Mansa – A prefeitura de Barra Mansa vai aplicar nesta terça-feira (04) a primeira dose da vacina contra a Covid-19 em diabéticos com idades entre 18 e 44 anos e em grávidas maiores de 18 anos a partir da 16ª semana de gestação. Serão aplicadas também a segunda dose de AstraZeneca em profissionais da saúde que estão agendados.

A ação acontecerá no Parque da Cidade, em três horários: de 8h às 12h para nascidos de janeiro a abril, 12h às 16h para nascidos de maio a agosto, e das 16h às 20h para nascidos de setembro a dezembro.

O atendimento para os pedestres será realizado na “Tenda da Vacina”. Para aqueles que possuem veículo, o serviço continuará em sistema drive-thru. Os veículos deverão acessar o local pelo portão central do Parque da Cidade, na Rua Prefeito João Chiesse Filho, 1102, no Centro.

Para receber a vacina, é indispensável a apresentação de RG, CPF, cartão do SUS e comprovante de residência nominal do município ou declaração da Unidade Básica de Saúde do bairro. Apresentação de laudo médico ou declaração da enfermeira do posto de saúde junto com a receita médica que comprove a diabetes e cartão pré-natal (para gestantes). É indispensável a apresentação do cartão de vacina para a segunda dose agendada.

Mulheres de 67 anos recebem segunda dose

Nesta segunda-feira (03), foram vacinados com a primeira dose de AstraZeneca diabéticos com idades entre 45 e 54 anos e com a segunda dose profissionais da saúde agendados. Já as mulheres de 67 anos, nascidas de janeiro a junho, tomaram a dose complementar da Coronavac.

A vacinação continua sendo no Parque da Cidade e está dividida em três horários, de 08h às 12h, vacinam os nascidos de janeiro a abril, das 12h às 16h, nascidos de maio a agosto e das 16h às 20h, nascidos de setembro a dezembro; exceto a segunda dose da Coronavac, que está sendo feita apenas em mulheres de 67 anos nascidas de janeiro a junho, o dia todo.

A coordenadora de Imunização do município, Marlene Fialho, explicou o motivo da vacina Coronavac estar restrita a poucas pessoas.

– Estamos contemplando apenas esse público de mulheres com a primeira dose da Coronavac porque recebemos pouca quantidade da vacina. Não podemos ampliar e ter uma desorganização do trabalho. Queremos um serviço organizado e com o fluxo bem direcionado – afirmou.

Dona Vera Lúcia Justen, de 67 anos, chegou ao Parque para tomar a dose complementar da vacina Coronavac e falou um pouco sobre essa experiência.

– Estou achando a vacinação muito organizada no município, está tudo muito tranquilo. Essa questão da falta da Coronavac é nacional, que bom que o prefeito tem conseguido avançar nesta questão. Estou muito feliz – concluiu.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

3 comentários

  1. Avatar

    Ainda bem que acabou as lives mentirosas, prefeitura falida ainda não pagou a totalidade de aposentados.

  2. Avatar
    Anair dos santos

    Sou nascida em 20/08/60 portanto tenho 61 anos perdi o dia que era para vacinar . Quando posso tomar a vacina.

  3. Avatar

    E o restante dos profissionais da educaçao quando serao vacinados? Se quer confinar funcionarios e alunos nessas escolas sem estrutura tem que vacinar a educaçao. É o mínimo deveriam fazer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document