Brasil inicia caminhada diante da África do Sul - Diário do Vale
quarta-feira, 22 de setembro de 2021 - 11:31 h

TEMPO REAL

 

Capa / Olimpíadas 2016 / Brasil inicia caminhada diante da África do Sul

Brasil inicia caminhada diante da África do Sul

Matéria publicada em 4 de agosto de 2016, 08:46 horas

 


Neymar é o astro da seleção e dos jogos no futebol

Neymar é o astro da seleção e dos jogos no futebol

Brasília (DF) – A Seleção Brasileira inicia a sua caminhada em busca da inédita medalha de ouro nos Jogos Olímpicos nesta quinta-feira, às 16h(de Brasília), no Estádio Nacional, em Brasília (DF), diante da África do Sul pelo Grupo A, que conta ainda ainda com Iraque e Dinamarca, que farão a preliminar a partir das 13h(de Brasília). Os canarinhos sentiram apenas o gostinho da prata, nas edições de 1984, 1988 e 2012, porém, essa será a primeira oportunidade dentro de casa.

Rogério Micale, técnico da Seleção Brasileira, sabe da responsabilidade que tem em mãos, pois assumiu o cargo há pouco tempo, já que Dunga, que seria o comandante, foi demitido. Ele, porém, conhece bem os atletas do Mundial Sub-20 e de amistosos de preparação para os Jogos Olímpicos e se mostra confiante em um bom começo de trabalho. Os brasileiros enfrentaram em março essa mesma África do Sul em um amistoso e ganharam por 3 a 1.

– Sei que os grupos não são mais os mesmos e que cada jogo tem uma história, porém, os meus jogadores sabem se adaptar bem aos mais variados tipos de situação e acredito que tivemos bom rendimento contra escolas africanas nos amistosos. A estreia é sempre muito nervosa e não vai ser diferente nestes Jogos Olímpicos. Mas é importante passar bem por ela – avisou o treinador.

Os jogadores brasileiros esperam já começar na estreia a sentir a energia da torcida.

– A Seleção Brasileira é sempre muito mais forte jogando em casa e todos sabem da importância de ganhar essa medalha de ouro. Os mais experientes estão apoiando os mais jovens e todos estamos muito focados no duelo de estreia. Se a torcida chegar junto conosco vai ser muito complicado bater o Brasil – avisou o atacante Gabriel.

A Seleção Brasileira teve uma baixa para esse jogo e para o torneio. Com lesão no cotovelo direito, o goleiro Fernando Prass foi cortado e para a sua vaga assumiu Weverton, do Atlético-PR, que já será titular. Outra novidade em relação ao amistoso contra o Japão, vencido por 2 a 0 pelos brasileiros no último sábado, será a entrada do meia Renato Augusto na vaga de Rafinha, que fica como opção no banco de reservas.

Pelo lado da África do Sul existe o clima de tratar essa estreia com tranquilidade, como se fosse positivo qualquer resultado que não seja uma derrota por goleada. O técnico Owen da Gama sabe que a briga pela classificação será diretamente com Dinamarca e Iraque.

– A Seleção Brasileira é o participante deste grupo que se encontra em outro patamar e por isso mesmo temos que encarar essa estreia como um jogo que devemos fazer o nosso melhor, mas sabendo que será complicado pontuar – disse Gama.

O time africano não conta com grandes estrelas e sérias limitações, tanto que se classificou apenas na terceira colocação no torneio pré-olímpico do continente africano. Curiosamente um dos titulares é o zagueiro Rivaldo, que tem esse nome em homenagem ao ex-jogador da Seleção Brasileira.

Outra curiosidade é que a África do Sul já pregou uma peça na Seleção Brasileira. Foi nos Jogos Olímpicos de 2000, em Sydney, na Austrália, quando venceram por 2 a 1 na fase de grupos, em dia inspirado do atacante Benni McCarthy, grande ídolo do futebol do país.

FICHA TÉCNICA
BRASIL X ÁFRICA DO SUL

Local: Estádio Nacional, em Brasília (DF)
Data: 4 de agosto de 2016 (Quinta-feira)
Horário: 16h(de Brasília)
Árbitro: não divulgado pela organização
BRASIL: Weverton, Zeca, Marquinhos, Rodrigo Caio e Douglas Santos; Thiago Maia, Renato Augusto e Felipe Anderson; Gabriel Jesus, Gabriel e Neymar
Técnico: Rogério Micale
ÁFRICA DO SUL: Jody February, Abbubaker Mobara, Rivaldo, Aubrey Modiba e Mulomowandau Mathoho; Deolin Mekoa, Gift Motupa, Tyroane Sandows e Menzi Masuku; Lebo Mothiba e Mothobi Mvala
Técnico: Owen da Gama


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. O Neymar está tranquilo sobre a conquista da medalha de ouro. Se conseguir vai ficar mais marrento do que já é (eu ganhei), e se perder a culpa será dos outros jogadores.

Untitled Document