domingo, 5 de julho de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Destaque / Casal de Volta Redonda ajuda mais de 21 famílias com doações de cestas básicas

Casal de Volta Redonda ajuda mais de 21 famílias com doações de cestas básicas

Matéria publicada em 27 de março de 2020, 10:17 horas

 


Casal convida toda a população para se voluntariar
(Foto: Redes Sociais)

Volta Redonda – Um casal de Volta Redonda está se mobilizando nas redes sociais para ajudar famílias através de doações de cestas básicas. A iniciativa se tornou mais necessária com a chegada da pandemia do Novo Coronavírus na região Sul Fluminense. Sara Lima Rodrigues e Rodrigo Lima Rodrigues, moradores do bairro Ponte Alta, receberam pedidos de ajuda de mais oito famílias desde o início da quarentena na região e decidiram unir forças para ajudar o próximo.

Na quinta-feira (26), o casal esteve no bairro Santo Agostinho e estará no bairro Retiro nesta sexta-feira (27) para receber doações que impactarão nas vidas de famílias da região.

– Eu e meu marido estamos na rua arrecadando alimento para mais de oito famílias que tanto precisam. Se as pessoas puderem doar 1kg de alimento, um sabonete ou sabão para que eles possam lavar as mãos já é mais que o necessário neste momento em que o país se encontra em colapso. Tem famílias que não têm um sabonete para se higienizar – declarou Sara, acrescentando que ela e seu esposo estão recebendo as doações aparamentados com máscaras e luvas como forma de prevenção da Covid-19.

O casal já recebeu pedidos de ajuda de famílias de Barra Mansa, Volta Redonda e Porto Real. Eles possuem um galpão de doação, localizado na Rua Dom Pedro I, 260, no bairro Ponte Alta, em Volta Redonda, onde costumam receber roupas, calçados e brinquedos.

– Abrimos o galpão toda quinta-feira para a troca solidária. A pessoa leva 1kg de alimento e pega brinquedos, roupas ou calçados, mas com essa pandemia estamos fechados para doações, apenas recebemos alimentos porque a fome não pode esperar – explicou Sara.

Interessados em ajudar o casal com esta iniciativa através de doações ou de voluntariado, procurar por Sara pelo telefone 99884-1289 ou pelo grupo “Doando que se Recebe” nas redes sociais.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. Avatar

    Q atitude linda desse casal, ao invés de ficar de mi mi mi, falando quem está certo ou errado, estão agindo lutando pra q as pessoas mais vulneráveis a esse problema, q é mundial , não passe a fome, não mantenha pelo menos suas necessidades básicas atendidas! Parabéns, da forma q puder ajudar eu ajudo tbm! Momento de União! Acorda Brasil!!

Untitled Document