>
domingo, 7 de agosto de 2022 - 15:58 h

TEMPO REAL

 

Capa / Polícia / Comboio com urânio vindo de Resende é atacado por traficantes em Angra dos Reis

Comboio com urânio vindo de Resende é atacado por traficantes em Angra dos Reis

Matéria publicada em 19 de março de 2019, 16:48 horas

 


Sul Fluminense e Costa Verde – Um comboio carregando urânio produzido na fábrica da INB (Indústria Nucleares  do Brasil) em Resende, que seguia para as usinas nucleares de Angra dos Reis, foi atacado a tiros por traficantes quando passava pelo Frade, a poucos quilômetros do destino final, na BR-101. O ataque aconteceu na manhã desta terça-feira, dia 19, e foi revidado pelas forças de segurança que escoltavam a carga.

Policiais Rodoviários Federais que estavam na escolta junto com Policiais do Batalhão de Choque da Polícia Militar apontam que, provavelmente, os tiros não visavam o comboio com combustível nuclear. Os policiais acreditam que os bandidos dispararam contra os carros policiais que se aproximaram da área, ainda um enclave de traficantes de facções criminosas.

Os agentes de segurança revidaram o ataque houve confronto. A carga ficou protegida e, segundo a Eletronuclear, chegou ao destino na hora programada, por volta das 12h30. A prefeitura de Angra dos Reis emitiu nota o governo do estado informando o risco do ataque e a necessidade de reforço na segurança na cidade.

Segundo a Eletronuclear, o veículo que transporta urânio sai de Resende com destino a Angra dos Reis e durante todo o trajeto é escoltado pela Polícia Rodoviária Federal, pela Polícia Militar, Bombeiros especializados e por equipes de emergência.

Em nota, a Eletronuclear informou detalhes da operação que foi montada para levar o combustível de Resende até Angra dos Reis. “O comboio de transporte de combustível nuclear que seguia em direção a Angra dos Reis hoje pela manhã não foi atacado por bandidos. O carregamento, que tem como objetivo reabastecer Angra 2, chegou à central nuclear dentro do horário previsto, às 12h23. Por volta das 12h, quando o comboio passava pelo Frade, em Angra dos Reis, ouviram-se tiros. Por precaução, e como contingência, policiais do Batalhão de Choque que acompanhavam o transporte se posicionaram às margens da rodovia, de forma a garantir a segurança do comboio, que em nenhum momento foi interrompido”, diz a nota.

A empresa estatal acredita que os bandidos se assustaram diante do aparato policial que cercava o veículo. “Após a passagem do comboio, alguns bandidos, assustados com o forte aparato policial, chegaram a efetuar disparos contra uma viatura da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Os policiais revidaram, mas não houve feridos nem danos materiais”.

A empresa destacou ainda que não houve risco para a população, ao menos com relação a um possível vazamento ou exposição ao combustível nuclear. “Para ser transportado de Resende – onde é fabricado pelas Indústrias Nucleares do Brasil (INB) – a Angra dos Reis, o combustível nuclear é acondicionado dentro de contêineres metálicos especialmente fabricados para essa tarefa. Esses invólucros passam por testes de resistência contra quedas e incêndios. Se um tiro de arma de fogo conseguisse atravessar a proteção do contêiner, poderia danificar o combustível nuclear. No entanto, isso não colocaria em risco a população nem o meio ambiente. O urânio contido em um elemento combustível está em estado natural, tendo o mesmo nível de radioatividade encontrado na natureza”.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

18 comentários

  1. Antonio Carlos Peludo

    Quando Brizola assumiu com a história de policia cidadã, ja se ouvia nos meios academicos( cito UBM, Direito Penal) a seguinte frase: Quando a bandidagem for para o asfalto não tem policia que segure. Ao Professor de Direito Penal que omito o nome para evitar romaria por ser um otimo profeta. Meus respeitos.

  2. Carax, sua teoria não “cola”, todo mundo sabe que se fosse liberado a carga tributária e a pureza do produto (não seriam misturadas para render) faria com que o preço fosse exorbitante, logo continuaria o mercado negro ou até aumentaria. Segundo, qual país vc conhece que liberou cocaína, crack, heroína, etc? Logo sua teoria caiu por terra novamente. CADEIA PARA USUÁRIO QUE NÃO ACEITA TRATAMENTO E QUEM FAZ APOLOGIA DAS DROGAS.

  3. Chega dar tristeza de lembrar quantas foram as vezes que sai da minha cidade e fui para as praias de Angra, agora não dá mais, pois não tomaram providências no começo e hoje Angra pertence aos bandidos. POR ISSO NÃO CANSO DE REPETIR, VOCÊ QUE USA DROGA É RESPONSÁVEL PELO MUNDO QUE ESTAMOS VIVENDO! Ao governo digo: tratamento compulsório aos usuários e cadeia para os que não aceitarem.

    • Muito mais …mas muito mais fácil seria a liberação das drogas que hoje rende algum dinheiro por ser ilegal. Assim como a cachaça num bar usaria quem quisesse.

  4. Não é só no Frade, contam que Angra dos Reis virou “entreposto” das drogas justamente porque o cerco na Dutra está maior há um bom tempo e pela Rio-Santos é mais fácil. Muito morro e um mar com muitas ilhas para a bandidagem se esconder, já que pegar um barco para a fuga é moleza. Dizem que de lá, as encomendas de erva, pó, armas e munições são distribuídas em quantidades menores através de várias “mulas”, o que dificulta as apreensões.
    A intervenção militar no RJ o ano passado não mudou esse cenário.
    E já que um voltou 20 anos no passado, então eu digo que a corrupção tem 500 anos e o sistema de Capitanias Hereditárias tem quase isso e aumento extraordinário do consumo de drogas deve ter uns 50 anos, coincidindo justamente com o Regime Militar.

  5. Gente eu passei lá na hora eles ñ atacaram o comboio a polícia federal passou na hora q os bandidos estavam na rua só foi uma coincidência

    • Pra ter bandido assim de bobeira numa rodovia federal no centro do bairro é porque a coisa tá feia em Angra mesmo, antes eles ficavam nas periferias dos bairros.

  6. Quem me dera ver isso nesse país, justamente é a escolta que traz risco ao carregamento, anos de “vista grossa” naquela região criou aquele inferninho no Frade, aliás quem tava no poder antes? Os parça né?

  7. Com quase 20 anos de desmando, corrupção e muita safadeza a culpa é do Bolsonaro. Tem que ser muito idiota pra falar ou até mesmo pensar nisso.

  8. Já está passando da hora de acabar com essa bandidagem em Angra dos Reis.

  9. voçes vejam só ,,,,esses malandro não tem respeito a nada ,,,por isso que temos que apoiar as forças armadas seja da policia ou do exercito ,,,, esse tipinho de sujeito não tem que prender nada não ,,,,,, APAGAR O CPF DE UM POR UM ,,,,pronto !!!!!!

  10. Ninguém responde como tanta arma, munição e drogas passam pela fronteira do Brasil, e ainda atravessam no mínimo dois estados antes de chegar no RJ e apreensões, quando tem, praticamente só acontecem em território fluminense.

    • O miliciano vizinho do bozzonaro é acusado entre outras coisas de tráfico de armas. Viu a quantidade de fuzil q o laranja guardava pra ele? Vista grossa de autoridades responde sua pergunta.

    • O vizinho seria a resposta para abastecimento da Milícia. Para as demais facções criminosas as vistas grossas devem ser outras ou então podem tem quem está, na fronteira e nas estradas antes do RJ, aceitando agrados de todos os lados (PCC, CV e TC além da Milícia).

Untitled Document