Conselho Municipal de Defesa dos Animais será restruturado em Porto Real - Diário do Vale
terça-feira, 28 de setembro de 2021 - 07:41 h

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Conselho Municipal de Defesa dos Animais será restruturado em Porto Real

Conselho Municipal de Defesa dos Animais será restruturado em Porto Real

Matéria publicada em 17 de março de 2021, 13:41 horas

 


Prefeito reafirma compromisso de construir Hospital Veterinário Municipal

Serfiotis reafirmar o compromisso de construir o Hospital Veterinário Municipal – Foto: Fabiano Sabino(PMPR).

Porto Real- A preocupação em defender a causa animal tem ganhado uma atenção especial da atual administração municipal de Porto Real. E isso se deve em grande parte ao aumento da demanda de atendimentos, que é feita pelo Centro Integrado de Recolhimento Assistência e Controle de Animais, CIRAC, localizado em Bulhões, entidade contratada pela Secretaria de Saúde, que realiza tanto castração como chipagem e recolhimento.

Tendo como tema principal a reestruturação do Conselho Municipal de Defesa dos Animais, o prefeito Alexandre Serfiotis se reuniu na terça-feira, 16, com o responsável do CIRAC, Anselmo José Martins, com as representantes da organização não governamental, ONG Segunda Chance Animal, Dayana Queiroz da Silva, Laís Lamim Cunha e Gilliane de Almeida Virgílio, e com a Coordenadora de Vigilância Sanitária, Cássia Pitasse da Cunha, além do procurador do município, Carlos.

“Quero reafirmar o compromisso de construir o Hospital Veterinário Municipal, mas enquanto não realizarmos esta construção é necessário adequar e atualizar os atendimentos feitos pelo CIRAC; integrar o trabalho da Guarda Ambiental; da Guarda Civil; e do Conselho, como representantes municipais ligados ao tema, unido a Segunda Chance Animal, defensores voluntários da causa, com o intuito de melhorar a realidade que ora se apresenta” – Destacou o prefeito.

A Prefeitura de Porto Real está preparando uma série de ações que resultarão no bem-estar animal. “Queremos fazer uma feira de adoção responsável em períodos determinados; vamos ampliar o número de atendimentos de castração para zerar a fila de espera e vamos fazer valer rigorosamente a lei em casos de maus-tratos denunciados com comprovação” – enfatizou o prefeito, concluindo que os resultados devem chegar a médio e longo prazo, com um controle maior na procriação devido a castração, com a conscientização e punição no caso de abandono e maus-tratos, e com o incentivo para a adoção.

“Quero o mais breve possível presentear a população com o Hospital Veterinário Municipal, porque não é uma promessa de campanha, é um compromisso com a população, pois os animais também merecem respeito e cuidados” – concluiu o prefeito.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. Muito bom e útil este site.
    Gostei muito!
    Parabéns!

Untitled Document