domingo, 11 de abril de 2021 - 13:58 h

TEMPO REAL

 

Capa / Tempo Real / Covid-19: Taxa de ocupação em leitos de UTI está em 65% na rede pública de Barra Mansa

Covid-19: Taxa de ocupação em leitos de UTI está em 65% na rede pública de Barra Mansa

Matéria publicada em 2 de abril de 2021, 06:06 horas

 


Leitos de enfermaria estão com 61% ocupados; dados são do dia 1 de abril

Barra Mansa – A taxa de ocupação de leitos para UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) para pacientes com Covid-19 está em 65% e na enfermaria chega a 61%. Ou seja: a rede pública tem 35% de UTI´s disponíveis e 39% dos leitos clínicos com vagas. Os dados são desta quinta-feira, dia 1º, e foram computados pela Secretaria Municipal de Saúde.

Dos 31 respiradores que o município tem, 12 estão ocupados e 19 disponibilizados.

A Santa Casa de Misericórdia, que tem 17 leitos de UTI, está com 14 ocupados e 3 disponíveis. Já a UPA do Centro está com as quatro vagas de UTI desocupadas. O Centro Covid tem 4 UTI´s e 3 estão ocupadas, tem uma disponível. O Hospital da Mulher está com a única vaga da UTI desocupada.

Confira os números dos leitos clínicos:

Santa Casa de Misericórdia  – 44 ofertados, 27 ocupados e 17 disponíveis

UPA do Centro – 10 ofertados, 4 ocupados e 6 disponíveis

Centro Covid – 24 ofertados, 15 ocupados e 9 disponíveis

Hospital da Mulher – 1 ofertado, dois ocupados

Veja como está o uso de respirador por unidade:

Santa Casa de Misericórdia –  22 ofertados, 12 ocupados e 10 disponíveis

UPA do Centro – 4 ofertados, zero ocupado e 4 disponíveis

Centro Covid – 4 ofertados, zero ocupado e disponíveis

Hospital da Mulher – 1 ofertado, zero ocupado e 1 disponível

*O jornal ressalta que esses números podem oscilar a qualquer momento, com a alta de pacientes ou a internação.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

7 comentários

  1. Avatar

    Agora melhorou a informação. Falar em percentagem sem indicar o total é a mesma coisa que nada. É melhor escrever outra coisa relevante. 65% de 100 leitos é 65 leitos. Qual a quantidade de 65% de 50 ou 30 ou 10 leitos, se o número de leitos tem de ser inteiro?

    Quando o informante do hospital, ou prefeito ou secretário fala em percentual é sinal que nem ele sabe a quantidade de leitos.

  2. Avatar

    Será que morreram tantas pessoas assim? Pra desocupar tantos leitos, só pode.

  3. Avatar

    Boa tarde!

    Hoje pela manhã assistir no Bom dia Rio que o estado do Rio de Janeiro está com 154% de aumento de casos de Covid, tem mais de 600 pessoas aguardando um leito de UTI.
    Sendo assim, penso que deveriam encaminhar essas pessoas para os leitos vagos nos hospitais de nossa região.

  4. Avatar

    O prefeito faz uma live essa semana falando que estava critico a situação e que a ocupação estava em 92 % e de uma hora para outra 65%. Em quem acreditar ? Está difícil..

  5. Avatar

    Nao acredito nao.essa prefeitura eh nojenta.so pra justificar a volta.valem nada!cuidem se,protejam os seus pq esses governantes nao prestam.

  6. Avatar

    Mentirosos! Ontem a situaçao era critica, hj como num passe de magica mudou. Me engana!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document