sábado, 26 de setembro de 2020 - 21:14 h

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Defesa Civil interdita dois imóveis no bairro Eucaliptal em Volta Redonda

Defesa Civil interdita dois imóveis no bairro Eucaliptal em Volta Redonda

Matéria publicada em 16 de setembro de 2020, 17:41 horas

 


Volta Redonda – Dois imóveis localizados na Rua Dr.Paulo Gama, no bairro Eucaliptal, em Volta Redonda, foram interditados nesta quinta-feira (16), após visita de equipes da Defesa Civil e das secretarias de Infraestrutura (SMI) e de Ação Comunitária (Smac), além do Fundo Comunitário de Volta Redonda (Furban-VR), do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano (IPPU-VR) e do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae-VR).

A visita ocorreu em dois pontos do bairro para monitorar possíveis áreas de risco e para agir preventivamente antes do período de alerta da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil (COMPDEC) – ocasião em que ocorrem fortes chuvas, iniciando em novembro e seguindo até o mês de março do ano seguinte.

O primeiro ponto visitado foi uma área particular na Rua Dr. Paulo Gama, onde parte de um imóvel cedeu na ocasião das fortes chuvas de 2019, provocando a interdição dele e de outra residência vizinha. As famílias foram assistidas pela Smac, recebendo aluguel social, e estão fora de risco.

Segundo a prefeitura, no local será feita poda de uma árvore, limpeza do terreno, incluindo a remoção de material solto para evitar que caiam na rua, além de colocação de lona para evitar infiltração da água da chuva. Como a propriedade é particular, o proprietário do terreno será notificado pelo IPPU para tomar providências que evitem novos deslizamentos.

Após a vistoria e planejamento das ações na Rua Dr. Paulo Gama, as equipes se dirigiram até a Rua Nilo Peçanha, no mesmo bairro. No local existem casas em construção em área de posse, mas que, de acordo com a defesa Civil, não oferecem risco.

– Já viemos outras vezes vistoriar e agora estamos realizando mais um monitoramento. Não precisa de intervenção neste momento – explicou o coordenador da Defesa Civil, Leandro Rezende.

As equipes seguirão atuando de forma conjunta, produzindo relatórios e realizando ações necessárias para sanar os problemas. O grupo também dará continuidade às visitas em outras áreas de risco do município.

Ações da prefeitura visam minimizar impactos de chuvas do período de alerta
(Foto: Secom VR)


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document