ÔĽŅ Elei√ß√Ķes presidenciais j√° t√™m cinco candidatos confirmados - Di√°rio do Vale
quarta-feira, 15 de agosto de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Nacional / Elei√ß√Ķes presidenciais j√° t√™m cinco candidatos confirmados

Elei√ß√Ķes presidenciais j√° t√™m cinco candidatos confirmados

Matéria publicada em 22 de julho de 2018, 19:26 horas

 


PDT, PSC, PSOL , PSTU e PSL definiram nomes em conven√ß√Ķes nacionais

Prazos: At√© 05 de agosto partidos podem anunciar quem ir√° compor as chapas e at√© o dia 15 para registrar as candidaturas no TSE –
Foto Arquivo

Nos primeiros dias de conven√ß√Ķes nacionais, cinco candidatos a presidente da Rep√ļblica foram confirmados pelos partidos pol√≠ticos: Ciro Gomes (PDT), Paulo Rabello de Castro (PSC), Guilherme Boulos (PSOL), Vera L√ļcia (PSTU) e Jair Bolsonaro (PSL). Enquanto o PSOL e o PSTU lan√ßaram a chapa completa, o PDT, PSC e o PSL ainda v√£o escolher os candidatos a vice-presidente e tem at√© o dia 05 de agosto para anunciar quem ir√° compor as chapas. O prazo √© o mesmo para que todos os partidos realizem suas conven√ß√Ķes nacionais.
Os convencionais do PDT aprovaram uma resolu√ß√£o autorizando a Executiva Nacional a negociar as alian√ßas para o primeiro turno das elei√ß√Ķes e o vice de Ciro Gomes. O PSC tamb√©m vai articular um vice que agregue apoios, mas o candidato demonstrou disposi√ß√£o de ter uma mulher na sua chapa.

O PSOL formou uma chapa puro sangue: S√īnia Guajajara ser√° a candidata a vice de Boulos. O partido, no entanto, disputar√° as elei√ß√Ķes de outubro coligado com o PCB, que realizou conven√ß√£o na √ļltima sexta-feira e aprovou a alian√ßa.

Ao comentar a aliança com o PCB e os movimentos sociais, Boulos criticou adversários. Segundo ele, muitos buscam alianças somente para conquistar maior tempo no horário eleitoral gratuito.

– Fazem um verdadeiro balc√£o de neg√≥cios. N√≥s preferimos governar tendo todos estes partidos na oposi√ß√£o ‚Äď comentou o candidato.
O presidente nacional do PSOL, Juliano Medeiros, disse que o partido poder√° ter 23 segundos no hor√°rio eleitoral gratuito.
– Vamos compensar com nossa milit√Ęncia nas ruas e uma plataforma colaborativa nas redes virtuais, que formar√£o grupos de a√ß√£o em v√°rios estados – disse Boulos.

O PSTU decidiu que n√£o far√° nenhuma coliga√ß√£o para a disputa presidencial, nem alian√ßas nas elei√ß√Ķes estaduais. O partido confirmou que o vice de Vera L√ļcia ser√° Hertz Dias. De acordo com a candidata aclamada, a primeira proposta da chapa ser√° a de fazer frente √† crise econ√īmica.
– Para isso, n√≥s precisamos n√£o pagar a d√≠vida p√ļblica, n√£o enviar remessa de lucro das multinacionais, estatizar as empresas que foram privatizadas para que elas voltem a ser 100% brasileiras e controlada pelos trabalhadores, expropriar as 100 maiores empresas desse pa√≠s, e a nacionaliza√ß√£o dos bancos – destacou Vera L√ļcia.
O deputado federal Jair Bolsonaro (PSL-RJ), foi confirmado neste domingo (22) como o candidato √† Presid√™ncia da Rep√ļblica nas elei√ß√Ķes deste ano pelo Partido Social Liberal (PSL). Embora presente √† conven√ß√£o do partido ao qual se filiou, a advogada Janaina Paschoal disse que ainda n√£o aceitou o convite para ser vice.
РNós iniciamos um diálogo bastante profícuo. Entendemos que para uma parceria de quatro anos. Esse diálogo precisa ser mais pormenorizado, porque é um trabalho conjunto. Então não é possível tomar uma decisão em dois dias Рdisse ela. Com exceção dos políticos do PSL, discursaram apenas o general de Exército Augusto Heleno (PRP), que chegou a ser convidado para o cargo de vice, mas não comporá a chapa, e o senador Magno Malta (PR-ES).
No entanto, o isolamento político na campanha até agora foi contestado por Bolsonaro, que garante já ter entendimentos de apoio com 110 parlamentares de partidos do chamado de Centrão e que aparentemente não está preocupado com os restantes.
РAgradeço ao Alckmin por juntar o que há de pior do Brasil ao seu lado Рcriticou o candidato.
Participaram da conven√ß√£o a mulher de Bolsonaro, Michele, os filhos Carlos, Eduardo e Fl√°vio ‚Äď este √ļltimo confirmado como candidato do partido ao Senado pelo Rio de Janeiro. Tamb√©m estavam presentes o coordenador do programa econ√īmico da campanha, o economista Paulo Guedes, o presidente em exerc√≠cio do PSL, Gustavo Bebbiano, e o vice-presidente nacional, Julian Lemos.
As candidaturas podem ser registradas no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) até 15 de agosto. No próximo sábado (28) devem se reunir SD, PTB, PV, PSD e DC.

* As informa√ß√Ķes s√£o da Ag√™ncia Brasil

12 coment√°rios

  1. A principal meta do próximo presidente será diminuir a mortalidade infantil no Brasil, pois o PT não é só à favor do aborto, mas também do aumento da mortalidade infantil, pois depois de 26 anos caindo a mortalidade infantil no Brasil, ela começou a crescer novamente em 2016, quando Dilma Roussef ainda era a terrorista que comandava o Brasil!
    Como diria o ex-Senador M√£o Santa: “A gente faz apenas uma vez na vida: nascer, morrer e votar no PT!”…

  2. Urna eletr√īnica

    No mundo inteiro a elei√ß√£o √© em c√©dula ou seja papel al√ßado na urna e no Brasil √© eletr√īnica. Interessante no Jap√£o, USA pa√≠ses de onde vem a eletr√īnica e inform√°tica a elei√ß√£o √© c√©dula de papel e no Brasil √© eletr√īnica.

  3. E bom Jair se Acostumando 2018

    N√£o tem pra ningu√©m… Os corruptos que se mudem Jair est√° chegando…

    • CEM Reia para votar, SEM vida depois

      √Č bom JAIR SE ACOSTUMANDO que se fizer merda no tr√Ęnsito ir√° levar chumbo. J√° imaginou um zumbi ficar furioso por vc n√£o acionar a seta para trocar de dire√ß√£o?

      Se o seu carro colidir com o do zumbi, j√° pode se preparar que vai levar chumbo antes de se justificar.

  4. JAIR SE ACOSTUMANDO

    UM PETRALHA ARROGANTE E AGRESSIVO, S√ď PRA VARIAR, OBS (√Č BOLSONARO).

  5. Acho que est√° claro que o voto deve ser em Alkimin que saber√° conter o √≠mpeto dos apoiadores como fez FHC, reservando as √°reas estrat√©gicas. √Č de longe o mais bem preparado e com apoio para modernizar o pa√≠s e a economia.
    Com ele n√£o ter√° vez a turma da boquinha formado por desocupados, sindicalistas, “intelectuais”, ignorantes e artistas. N√£o excluir√° minorias desde que tenha capacidade e compet√™ncias, como deve ter tamb√©m, claro, as maiorias. Ciro e Bolsonaro: loucos. Marina incapaz e fora da realidade, Poste de Lula, compromisso com o atraso e com o revanchismo.

  6. Quem ser√° o proximo a sofrer impeachment pela oposi√ß√£o ………. por agora vai acontecer o derrotado n√£o vai se conformar e vai fazer de tudo pra derrubar o eleito ., e quem sofre √© nos trabalhadores brasileiros

  7. Amigo coxinha da Dona M√°rcia do Crivela.

    A pergunta √© : em quem os coxinhas ir√£o votar nesse ano ? A impress√£o que est√° √© que ,at√© agora, n√£o definiram seus candidatos; talvez, est√£o esperando o berrante da Globo e da Fiesp para reunir novamente o gado e dizer em quem eles devem votar. Inicialmente, estavam empolgados com o deputado federal de profiss√£o, mas j√° est√£o com um p√© atr√°s, porque est√£o notando que ele √© mais bo√ßal do que bolsonaro ( embora o bolso dele e da fam√≠lia, que vivem de ser pol√≠ticos,est√£o cheios. A mais recente canelada dele foi na semana passada quando tomou uma crian√ßa de 03 anos no colo e simulou uma metralhadora.Um gesto de um imbecil. Aecinho, o pr√≠ncipe deles, ex-xod√≥, parece que est√° descartado; Alkimin, do PSDB, envolvido em falcatruas nas obras do metr√ī de S√£o `Paulo, √© amigo do A√©cio, vai pegar mal; sugiro, ent√£o, o Aloysio Nunes,outro corrupto, vice do Aecinho na elei√ß√£o passada :√© bandido , ma √© vice e parece que os coxinhas adoram um vice, pois apoiaram o golpe para tirar uma presidente legitimamente eleita, para deixar um vice em seu lugar. Pode tamb√©m optar por Ivete Sangalo, Wesley Safad√£o, Rom√°rio, Tite,etc…, √≠dolos de merda, criados pela grande m√≠dia.D√ļvida atroz essa dos coxinhas : em quem votar ? Segundo especialistas, quando o eleitor demora a escolher seu candidato, a chance de votar mal √© grande. Mas, do jeito que est√° o panorama eleitoral, √© melhor aguardar.Afinal, o berrante que conduz o grande gado, vai “orient√°-los”.

  8. CEM Reais para votar, SEM candidatos aptos depois

    S√≥ porcarias at√© agora. N√£o CONHECEM a Administra√ß√£o P√ļblica e n√£o ENTENDEM de Gest√£o P√ļblica.

    • Ningu√©m saber√° como administrar todas as √°reas, mas tem que ter a melhor equipe para isso.

    • CEM Reais para votar, SEM candidatos s√©rios depois

      Joaquim

      Os governos n√£o funcionam assim. N√£o confunda administra√ß√£o de empresas com Administra√ß√£o P√ļblica. No Brasil reina a politicagem e as secretarias/minist√©rios s√£o entregues aos partidos de apoio. Reina a politicagem pq OS ELEITORES QUEREM assim.

      O Roberto Jeferson do PTB devolveu o minist√©rio do trabalho ao Temer dias atr√°s. O PT no governo Neto tinha a secretaria de sa√ļde. Assim s√£o algumas secretarias entregues a vereadores antigos que usam de politicagem para barganhar mais cargos. Eles fazem o que querem, mesmo se o chefe do executivo QUE N√ÉO ENTENDE do assunto concorde ou n√£o.

      Há dois profissionais que conhecem cada órgão de uma vaca. Um é o veterinário e o outro o açougueiro. Podemos substitui-los? Um pode trabalhar no lugar do outro sem se especializar na área?

      O mesmo √© no Setor P√ļblico com o Administrador P√ļblico ou Gestor P√ļblico. N√£o podemos colocar no lugar um Administrador de empresas; Advogado; Economista; Contabilista, CONTADOR (Samuca); Veterin√°rio (secret√°rio de sa√ļde); Professor; M√©dico; e muito menos um tiririca da vida. Todos eles podem ser excelentes profissionais em suas √°reas, MAS uma vez na Administra√ß√£o P√ļblica S√ÉO UMA TRAG√ČDIA. As m√≠dias confirmam isso. O DV mostra muito aqui.

      Só para saber: na CMVR entre os 21, tem vereadores que não sabem ler uma lei. Há vários assessores que nada conhecem ou entendem de leis. Acredite se quiser: são eles os eleitos para decidir o destino do povo de VR e dos MEUS impostos.

  9. Quem será o próximo a fazer parte dos ilustres presidentes da nossa querida nação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document