sábado, 20 de outubro de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Nacional / Eleições presidenciais já têm cinco candidatos confirmados

Eleições presidenciais já têm cinco candidatos confirmados

Matéria publicada em 22 de julho de 2018, 19:26 horas

 


PDT, PSC, PSOL , PSTU e PSL definiram nomes em convenções nacionais

Prazos: Até 05 de agosto partidos podem anunciar quem irá compor as chapas e até o dia 15 para registrar as candidaturas no TSE –
Foto Arquivo

Nos primeiros dias de convenções nacionais, cinco candidatos a presidente da República foram confirmados pelos partidos políticos: Ciro Gomes (PDT), Paulo Rabello de Castro (PSC), Guilherme Boulos (PSOL), Vera Lúcia (PSTU) e Jair Bolsonaro (PSL). Enquanto o PSOL e o PSTU lançaram a chapa completa, o PDT, PSC e o PSL ainda vão escolher os candidatos a vice-presidente e tem até o dia 05 de agosto para anunciar quem irá compor as chapas. O prazo é o mesmo para que todos os partidos realizem suas convenções nacionais.
Os convencionais do PDT aprovaram uma resolução autorizando a Executiva Nacional a negociar as alianças para o primeiro turno das eleições e o vice de Ciro Gomes. O PSC também vai articular um vice que agregue apoios, mas o candidato demonstrou disposição de ter uma mulher na sua chapa.

O PSOL formou uma chapa puro sangue: Sônia Guajajara será a candidata a vice de Boulos. O partido, no entanto, disputará as eleições de outubro coligado com o PCB, que realizou convenção na última sexta-feira e aprovou a aliança.

Ao comentar a aliança com o PCB e os movimentos sociais, Boulos criticou adversários. Segundo ele, muitos buscam alianças somente para conquistar maior tempo no horário eleitoral gratuito.

– Fazem um verdadeiro balcão de negócios. Nós preferimos governar tendo todos estes partidos na oposição – comentou o candidato.
O presidente nacional do PSOL, Juliano Medeiros, disse que o partido poderá ter 23 segundos no horário eleitoral gratuito.
– Vamos compensar com nossa militância nas ruas e uma plataforma colaborativa nas redes virtuais, que formarão grupos de ação em vários estados – disse Boulos.

O PSTU decidiu que não fará nenhuma coligação para a disputa presidencial, nem alianças nas eleições estaduais. O partido confirmou que o vice de Vera Lúcia será Hertz Dias. De acordo com a candidata aclamada, a primeira proposta da chapa será a de fazer frente à crise econômica.
– Para isso, nós precisamos não pagar a dívida pública, não enviar remessa de lucro das multinacionais, estatizar as empresas que foram privatizadas para que elas voltem a ser 100% brasileiras e controlada pelos trabalhadores, expropriar as 100 maiores empresas desse país, e a nacionalização dos bancos – destacou Vera Lúcia.
O deputado federal Jair Bolsonaro (PSL-RJ), foi confirmado neste domingo (22) como o candidato à Presidência da República nas eleições deste ano pelo Partido Social Liberal (PSL). Embora presente à convenção do partido ao qual se filiou, a advogada Janaina Paschoal disse que ainda não aceitou o convite para ser vice.
– Nós iniciamos um diálogo bastante profícuo. Entendemos que para uma parceria de quatro anos. Esse diálogo precisa ser mais pormenorizado, porque é um trabalho conjunto. Então não é possível tomar uma decisão em dois dias – disse ela. Com exceção dos políticos do PSL, discursaram apenas o general de Exército Augusto Heleno (PRP), que chegou a ser convidado para o cargo de vice, mas não comporá a chapa, e o senador Magno Malta (PR-ES).
No entanto, o isolamento político na campanha até agora foi contestado por Bolsonaro, que garante já ter entendimentos de apoio com 110 parlamentares de partidos do chamado de Centrão e que aparentemente não está preocupado com os restantes.
– Agradeço ao Alckmin por juntar o que há de pior do Brasil ao seu lado – criticou o candidato.
Participaram da convenção a mulher de Bolsonaro, Michele, os filhos Carlos, Eduardo e Flávio – este último confirmado como candidato do partido ao Senado pelo Rio de Janeiro. Também estavam presentes o coordenador do programa econômico da campanha, o economista Paulo Guedes, o presidente em exercício do PSL, Gustavo Bebbiano, e o vice-presidente nacional, Julian Lemos.
As candidaturas podem ser registradas no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) até 15 de agosto. No próximo sábado (28) devem se reunir SD, PTB, PV, PSD e DC.

* As informações são da Agência Brasil


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

12 comentários

  1. A principal meta do próximo presidente será diminuir a mortalidade infantil no Brasil, pois o PT não é só à favor do aborto, mas também do aumento da mortalidade infantil, pois depois de 26 anos caindo a mortalidade infantil no Brasil, ela começou a crescer novamente em 2016, quando Dilma Roussef ainda era a terrorista que comandava o Brasil!
    Como diria o ex-Senador Mão Santa: “A gente faz apenas uma vez na vida: nascer, morrer e votar no PT!”…

  2. No mundo inteiro a eleição é em cédula ou seja papel alçado na urna e no Brasil é eletrônica. Interessante no Japão, USA países de onde vem a eletrônica e informática a eleição é cédula de papel e no Brasil é eletrônica.

  3. E bom Jair se Acostumando 2018

    Não tem pra ninguém… Os corruptos que se mudem Jair está chegando…

    • CEM Reia para votar, SEM vida depois

      É bom JAIR SE ACOSTUMANDO que se fizer merda no trânsito irá levar chumbo. Já imaginou um zumbi ficar furioso por vc não acionar a seta para trocar de direção?

      Se o seu carro colidir com o do zumbi, já pode se preparar que vai levar chumbo antes de se justificar.

  4. JAIR SE ACOSTUMANDO

    UM PETRALHA ARROGANTE E AGRESSIVO, SÓ PRA VARIAR, OBS (É BOLSONARO).

  5. Acho que está claro que o voto deve ser em Alkimin que saberá conter o ímpeto dos apoiadores como fez FHC, reservando as áreas estratégicas. É de longe o mais bem preparado e com apoio para modernizar o país e a economia.
    Com ele não terá vez a turma da boquinha formado por desocupados, sindicalistas, “intelectuais”, ignorantes e artistas. Não excluirá minorias desde que tenha capacidade e competências, como deve ter também, claro, as maiorias. Ciro e Bolsonaro: loucos. Marina incapaz e fora da realidade, Poste de Lula, compromisso com o atraso e com o revanchismo.

  6. Quem será o proximo a sofrer impeachment pela oposição ………. por agora vai acontecer o derrotado não vai se conformar e vai fazer de tudo pra derrubar o eleito ., e quem sofre é nos trabalhadores brasileiros

  7. Amigo coxinha da Dona Márcia do Crivela.

    A pergunta é : em quem os coxinhas irão votar nesse ano ? A impressão que está é que ,até agora, não definiram seus candidatos; talvez, estão esperando o berrante da Globo e da Fiesp para reunir novamente o gado e dizer em quem eles devem votar. Inicialmente, estavam empolgados com o deputado federal de profissão, mas já estão com um pé atrás, porque estão notando que ele é mais boçal do que bolsonaro ( embora o bolso dele e da família, que vivem de ser políticos,estão cheios. A mais recente canelada dele foi na semana passada quando tomou uma criança de 03 anos no colo e simulou uma metralhadora.Um gesto de um imbecil. Aecinho, o príncipe deles, ex-xodó, parece que está descartado; Alkimin, do PSDB, envolvido em falcatruas nas obras do metrô de São `Paulo, é amigo do Aécio, vai pegar mal; sugiro, então, o Aloysio Nunes,outro corrupto, vice do Aecinho na eleição passada :é bandido , ma é vice e parece que os coxinhas adoram um vice, pois apoiaram o golpe para tirar uma presidente legitimamente eleita, para deixar um vice em seu lugar. Pode também optar por Ivete Sangalo, Wesley Safadão, Romário, Tite,etc…, ídolos de merda, criados pela grande mídia.Dúvida atroz essa dos coxinhas : em quem votar ? Segundo especialistas, quando o eleitor demora a escolher seu candidato, a chance de votar mal é grande. Mas, do jeito que está o panorama eleitoral, é melhor aguardar.Afinal, o berrante que conduz o grande gado, vai “orientá-los”.

  8. CEM Reais para votar, SEM candidatos aptos depois

    Só porcarias até agora. Não CONHECEM a Administração Pública e não ENTENDEM de Gestão Pública.

    • Ninguém saberá como administrar todas as áreas, mas tem que ter a melhor equipe para isso.

    • CEM Reais para votar, SEM candidatos sérios depois

      Joaquim

      Os governos não funcionam assim. Não confunda administração de empresas com Administração Pública. No Brasil reina a politicagem e as secretarias/ministérios são entregues aos partidos de apoio. Reina a politicagem pq OS ELEITORES QUEREM assim.

      O Roberto Jeferson do PTB devolveu o ministério do trabalho ao Temer dias atrás. O PT no governo Neto tinha a secretaria de saúde. Assim são algumas secretarias entregues a vereadores antigos que usam de politicagem para barganhar mais cargos. Eles fazem o que querem, mesmo se o chefe do executivo QUE NÃO ENTENDE do assunto concorde ou não.

      Há dois profissionais que conhecem cada órgão de uma vaca. Um é o veterinário e o outro o açougueiro. Podemos substitui-los? Um pode trabalhar no lugar do outro sem se especializar na área?

      O mesmo é no Setor Público com o Administrador Público ou Gestor Público. Não podemos colocar no lugar um Administrador de empresas; Advogado; Economista; Contabilista, CONTADOR (Samuca); Veterinário (secretário de saúde); Professor; Médico; e muito menos um tiririca da vida. Todos eles podem ser excelentes profissionais em suas áreas, MAS uma vez na Administração Pública SÃO UMA TRAGÉDIA. As mídias confirmam isso. O DV mostra muito aqui.

      Só para saber: na CMVR entre os 21, tem vereadores que não sabem ler uma lei. Há vários assessores que nada conhecem ou entendem de leis. Acredite se quiser: são eles os eleitos para decidir o destino do povo de VR e dos MEUS impostos.

  9. Quem será o próximo a fazer parte dos ilustres presidentes da nossa querida nação.

Untitled Document