quarta-feira, 21 de agosto de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Em vantagem, Vasco visita o Avaí para avançar

Em vantagem, Vasco visita o Avaí para avançar

Matéria publicada em 9 de abril de 2019, 20:24 horas

 


Florianópolis (SC) – Vivendo um momento conturbado, o Vasco tenta afastar o clima de crise nesta quarta-feira, às 21h30(de Brasília), quando visita o Avaí no Estádio Ressacada, em Florianópolis (SC), pela rodada de volta da terceira fase da Copa do Brasil. Como ganhou na ida por 3 a 2 o Cruz-Maltino tem a vantagem do empate para avançar, porém, os catarinenses se garantem em caso de triunfo por dois ou mais gols de vantagem. Se devolver a vitória por um gol de diferença, o Leão forçará a disputa de pênaltis.
A semana no Vasco foi conturbada, apesar da vitória de 2 a 1 sobre o Bangu que assegurou a vaga na grande final do Campeonato Carioca, diante do Flamengo. Isso por que o elenco está com atrasos salariais que têm acabado com a paz na Colina. Um reflexo disso foi a dispensa do meia Thiago Galhardo, acusado de vazar informações de uma reunião entre os dirigentes e os jogadores.
Alberto Valentim, comandante do Vasco, também enfrenta fortes críticas e há quem diga que ele pode até ser demitido em caso de eliminação.
– Meu pensamento está todo voltado para o jogo contra o Avaí. Escalo e Vasco e dito o meu trabalho sempre com o pensamento em alcançar os melhores resultados. A pressão faz parte de um grande clube como o Vasco – disse Valentim.
Os jogadores vascaínos asseguram que o espírito de luta do time está em alta e pronto para buscar a classificação em Santa Catarina.
– O respeito à camisa do Vasco nunca vai faltar e vamos a campo sempre pensando em dar o nosso melhor. O Avaí é um time muito forte e preparado para nos dar trabalho. Portanto, precisamos ligar o sinal de alerta.
O time do Vasco para este jogo só deverá ser definido minutos antes do confronto. Vetado pelo departamento médico, o zagueiro Leandro Castán segue de fora.
No Avaí o clima é bem diferente. Mesmo atuando com os reservas, o time derrotou a Chapecoense por 2 a 1 fora de casa, manteve a primeira colocação da fase de classificação do Campeonato Catarinense e avançou para as semifinais. O jogo contra o Vasco, porém, é tratado como muito importante, mesmo com a boa campanha no Estadual.
– A Copa do Brasil é importante em nosso ano e vamos trabalhar para fazermos um grande jogo contra o Vasco – disse o técnico Geninho.
Para o zagueiro Betão, o time da casa tem total condições de sair classificado do confronto.
– Temos condições de vencer. Mas não adianta falar e não fazer em campo. Se caso tiver decisão nos pênaltis, estamos bem preparados. O momento que o Avaí está vivendo favorece no sentido da ansiedade. Estamos fazendo uma boa campanha no estadual e não fizemos um mal jogo contra o Vasco na primeira partida e isso dá uma tranquilidade a mais -, disse.
O zagueiro disse também que não enxerga o Vasco como favorito no duelo, ainda que a equipe carioca jogue por um empate.
– Não vejo eles favoritos. Historicamente eles tem mais títulos, mas isso já acabou no futebol. Antigamente quando jogava a primeira fase da Copa do Brasil, os times ganhavam de 10 a 0, hoje são jogos apertados. A história não faz mais diferença em campo. É o momento. Quem tiver melhor naquele jogo, vai classificar -, afirmou.
Geninho não definiu a escalação, mas vai manter a base titular que vem jogando no Campeonato Catarinenses. Há mais de dois meses afastados por conta de lesão, o meia Gegê e o atacante Jones Carioca serão relacionados, ficando como opção no banco de reservas.

FICHA TÉCNICA
AVAÍ-SC X VASCO-RJ
Local: Estádio Ressacada, em Florianópolis (SC)
Data: 10 de abril de 2019 (Quarta-feira)
Horário: 21h30(de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Goncalves Lima (RS)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (RS) e Elio Nepomuceno de Andrade Junior (RS)

AVAÍ: Gledson, Alex Silva, Marquinhos Silva, Betão e Iury; Ricardo, Matheus Barbosa e Pedro Castro; João Paulo, Getúlio e Daniel Amorim
Técnico: Geninho

VASCO: Fernando Miguel, Raúl Cáceres, Werley, Ricardo e Danilo Barcelos; Bruno Silva, Lucas Mineiro e Bruno César; Rossi, Tiago Reis e Marrony
Técnico: Alberto Valentim


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document