segunda-feira, 22 de outubro de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Economia / Empresa começa a treinar trabalhadores selecionados

Empresa começa a treinar trabalhadores selecionados

Matéria publicada em 18 de julho de 2018, 18:14 horas

 


Duzentas pessoas foram selecionadas para empresa de call center que vai se instalar em Volta Redonda

A previsão é de que o treinamento de contratados dure quinze dias

A previsão é de que o treinamento de contratados dure quinze dias (Geraldo Gonçalves – Secom)

Volta Redonda – Conquistar a tão sonhada carteira assinada e ter a certeza de receber um salário no final do mês. A partir de quarta-feira, dia 18, este sonho já é realidade para 200 pessoas, que foram selecionadas por uma empresa de call center, que vai se instalar no município. O anúncio da chegada da empresa à cidade já vinha sendo divulgado pelo prefeito Samuca Silva há alguns meses.

Os novos contratados receberão salários compatíveis com a função de consultor de relacionamento, além de vale-transporte, tíquete alimentação e plano de saúde.

O prefeito comentou sobre a importância de se estar preparado para as oportunidades. “Fico muito feliz de saber que 200 pessoas conquistaram um emprego. Volta Redonda está mudando e são mudanças importantes para a cidade e para as pessoas. A nossa cidade ainda será conhecida como a cidade dos empregos. O novo shopping, que vai inaugurar em outubro, vai gerar outros 3 mil empregos. Espero que as pessoas se preparem para estas oportunidades que a Prefeitura de Volta Redonda está trazendo e para muitas outras que o nosso governo ainda vai trazer”, frisou Samuca Silva.

A empresa possui uma filial em Piraí, onde trabalham atualmente 700 funcionários. Conforme detalhou a analista de recursos humanos da empresa, Tábata Aparecida Silva Braz, os funcionários contratados para trabalhar na filial de Volta Redonda vão ter um plano de carreira. A previsão é de que o treinamento dure quinze dias. Após esse prazo os novos funcionários passarão por outro treinamento na filial de Piraí.

-Eles iniciam na função de consultor de relacionamento, mas conforme o perfil e desenvolvimento de cada um, eles podem passar a outras funções dentro da empresa, como multiplicadores, assistentes ou até mesmo supervisores – explicou a Analista de Recursos Humanos.

O processo de seleção foi realizado no início de julho. Entre os critérios de seleção, o candidato deveria ter ensino médio completo, boa comunicação, conhecimento do pacote office (word, excel, powerpoint), saber digitar, ter boa gramática e também realizar uma redação.

Em treinamento e com a carteira assinada

Apesar de estarem em treinamento, os novos contratados já estão com a carteira assinada. Uma conquista e realização que devolvem a dignidade para a pessoa, conforme relatou Lucas Santos.

-Estava desempregado há três anos e fazendo trabalhos informais. Eu fiquei sabendo dessa oportunidade, logo me inscrevi e passei em todos os processos, graças a Deus. Eu achei uma maravilha, agora inicio uma nova etapa. Ter a carteira assinada é uma conquista – declarou Lucas Santos Dias, que é estudante de administração.

Charles Luiz de Oliveira, há dois meses desempregado, também conquistou uma das vagas. “Foi uma oportunidade ótima. Veio em boa hora, pois eu estava desempregado. É uma chance de poder aprender uma nova função. Eu vou me dedicar bastante, pois quero crescer na empresa”, comentou Charles.

 

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document