>
domingo, 26 de junho de 2022 - 03:59 h

TEMPO REAL

 

Capa / Destaque / Fiscais da Prefeitura de Volta Redonda são capacitados através do Projeto Cidade Empreendedora

Fiscais da Prefeitura de Volta Redonda são capacitados através do Projeto Cidade Empreendedora

Matéria publicada em 22 de maio de 2022, 09:37 horas

 


Objetivo é tornar a máquina pública mais ágil e eficiente para todos os contribuintes

Em Volta Redonda, o grupo de Agentes de Desenvolvimento são servidores de setores diferentes – Foto: Divulgação PMVR.

Volta Redonda- com o objetivo de compartilhar, ao máximo, as práticas de desburocratização, a Prefeitura de Volta Redonda, em parceria com o Sebrae, capacitou servidores ligados à fiscalização das atividades econômicas. Entre as secretarias beneficiadas com a iniciativa estão: de Fazenda (SMF), de Meio Ambiente (SMMA), de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SMDET), de Planejamento, Transparência e Modernização da Gestão (SEPLAG), além da Vigilância Sanitária, Casa do Empreendedor e da Empresa de Processamento e Dados de Volta Redonda (EPDVR). Esses fiscais são os Agentes de Desenvolvimento do município, que terão a função e o papel de articulação entre a população, a iniciativa privada e a administração pública.

O projeto, elaborado em conjunto com a secretaria de Planejamento, Transparência e Modernização da Gestão, abordou assuntos sobre a atualização geral das leis que norteiam as atividades econômicas; a hierarquia das leis e o processo legislativo; o Estatuto das Cidades e a lei geral da Micro e Pequena Empresa e de liberdade econômica.

“Em Volta Redonda, o grupo de Agentes de Desenvolvimento são servidores de setores diferentes. O projeto busca dar a oportunidade de debaterem, buscando assim, soluções que melhorem a vida econômica do município”, afirmou Cora Peixoto, secretária de Planejamento.

Através do Cidade Empreendedora será possível criar um ambiente de negócios dinâmico e favorável, com atenção especial voltada aos MEI´s (Microempreendedores Individuais) e aos pequenos e micros empresários da cidade. Além disso, o projeto vai criar uma sinergia entre as secretarias para facilitar a vida dos microempreendedores.

“O esforço é no sentido de desburocratizar os trâmites de criação de novas empresas. Quanto mais rápido a administração municipal conseguir atender as demandas dos MEI’s e dos microempreendedores, melhor para a economia da cidade”, concluiu Cora Peixoto.

O Projeto

O contrato entre a Prefeitura de Volta Redonda e o Sebrae-RJ foi firmado no final do ano passado e tem como objetivo, modernizar e desburocratizar as ações do Poder Público, respeitando as leis vigentes. O projeto tem como foco a recuperação econômica na pós-crise provocada pela Covid-19.

No plano, além de uma identificação do ambiente econômico, existem ações voltadas para agilizar os procedimentos da administração municipal. Também há iniciativas que visam incentivar a valorização do comércio local e abertura/regularização de empresas e o empreendedorismo, por exemplo.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document