terça-feira, 20 de agosto de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Flamengo, sem Abel, tenta garantir vaga contra LDU

Flamengo, sem Abel, tenta garantir vaga contra LDU

Matéria publicada em 24 de abril de 2019, 07:34 horas

 


Abel não estará no comando do Flamengo diante da LDU.
(Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)

Rio de Janeiro O Flamengo depende apenas de um empate para garantir a vaga para a próxima fase da Taça Libertadores. Líder do Grupo D com nove pontos ganhos, o atual campeão carioca vai enfrentar a LDU, nesta quarta-feira (24), às 21h20, no estádio Casa Blanca, em Quito. O Rubro-negro terá um sério desfalque no banco de reservas porque o técnico Abel Braga foi suspenso pela Conmebol por atraso na volta do intervalo na derrota para o Peñarol, no Maracanã.

O clube carioca já havia sido advertido por procedimento semelhante na partida diante do San José, em Oruro. O time deve ser comandado pelo auxiliar técnico Leomir. A LDU joga todas as suas fichas nesta partida. A equipe equatoriana ocupa a terceira colocação com quatro pontos e só seguirá vivo na competição se conseguir a vitória.

Sem tempo para festejar a conquista do título carioca, o Flamengo embarcou para Quito disposto a alcançar a vaga nas oitavas de final. Para a comissão técnica, é importante voltar do Equador com a classificação assegurada porque o último jogo será diante do Peñarol, em Montevidéu e o clima deve ser de hostilidade depois dos conflitos acontecidos entre torcedores no jogo de ida no Maracanã.
Para o artilheiro Gabigol, o jogo é decisivo para as duas equipes e o Flamengo vai encarar a partida de como de “vida ou morte”. A altitude de 2800 metros de Quito não está sendo vista como obstáculo para a equipe da Gávea, muito motivada com a conquista do Campeonato Carioca depois de derrotar o Vasco em duas partidas.

O time ainda não está definido, mas é certo o retorno do atacante Bruno Henrique que não participou da segunda partida da decisão por estar cumprindo suspensão. Com a volta do goleador, Abel tem algumas alternativas para montar a equipe do meio para frente, e o único garantido entre os onze, além de Bruno Henrique é Everton Ribeiro.

Cuéllar e William Arão formarão a dupla de volantes, e Diego, Arrascaeta e Gabigol disputam as duas vagas restantes. Nos últimos jogos, Abel testou todas as combinações, mas resta saber qual será sua opção nesta quarta. A tendência é que Diego e Gabigol comecem jogando.

A LDU interrompeu uma sequência de oito partidas sem vitórias ao derrotar o Emelec no último final de semana pelo campeonato local, mesmo utilizando uma equipe recheada de reservas para poupar os titulares para o confronto da Libertadores. A equipe dirigida por Pablo Repetto sabe que uma vitória sobre o Flamengo é a única de devolver a paz ao grupo que vem sendo afetado por desentendimentos entre os jogadores em função dos maus resultados acumulados na temporada.

Para aumentar o poderio ofensivo da equipe, Repetto poderá contar com Anangonó, artilheiro do time, que não participou do jogo disputado no Maracanã porque precisava resolver problemas pessoais. Para o zagueiro Anderson Júlio, um dos líderes da equipe, a LDU não pode deixar o Flamengo assumir o controle do jogo porque a equipe brasileira tem muita qualidade técnica e poderá criar problemas para o time da casa.

– Não acredito que eles vão sair para jogar de igual para igual, mas se fizerem isso, vamos aproveitar os espaços que nos derem.

Peñarol joga e torce pelo Fla

Segundo colocado do Grupo D, com os mesmos nove pontos do Flamengo, o Peñarol, do Uruguai, pode garantir sua classificação para as oitavas de final da Taça Libertadores mesmo que perca para o San José, da Bolívia, em partida programada para o estádio Jesus Bermudez, em Oruro. Isso acontecerá se a LDU não conseguir derrotar o Flamengo na outra partida da chave. Caso a LDU vença, o Peñarol só se classificará com a vitória. O San José tem apenas um ponto ganho e sua única motivação é conquistar a primeira vitória na competição.

FICHA TÉCNICA
LDU-EQU x FLAMENGO-BRA

Local: Estádio Casa Branca, em Quito (Equador)
Data: Quarta-feira, 24/04/2019
Horário: 21h30min
Árbitro: Nestor Pitana (ARG)
Assistentes: Hernan Maidana (ARG) e Juan Belatti (ARG)

LDU: Gabbarini; Quintero, Nicolás Freire, Rodríguez e Christian Cruz; Intriago , Orejuela, Vega e José Ayovi (Julio Angulo); Rodrigo Aguirre e Anangonó
Técnico: Pablo Repetto

FLAMENGO: Diego Alves, Pará, Rodrigo Caio, Léo Duarte e Renê; Cuéllar, Willian Arão, Diego (Arrascaeta) e Éverton Ribeiro; Gabigol e Bruno Henrique
Técnico: Leomir (interino)

Abel Braga reclama de punição da Conmebol

Rio de Janeiro (RJ)
O Flamengo já está em Quito, onde enfrenta nesta quarta-feira a LDU, pela Libertadores. Nesta partida, os rubro-negros não terão o técnico Abel Braga no banco de reservas. O comandante foi punido pelo atraso no retorno da equipe para o segundo tempo no jogo contra o Peñarol-URU.

– É uma sacanagem. Por conta de dois minutos. Na verdade a gente voltou a tempo, mas aquela coisa de corrente dos jogadores. O Peñarol atrasou quatro minutos, mas nós já tínhamos sido advertidos contra o San José-BOL – reclamou Abel.

O treinador criticou a Conmebol pela punição ao Flamengo pelo atraso, mas lembrou que não houve qualquer medida pela briga entre torcedores rubro-negros com uruguaios antes da partida contra o Peñarol na calçadão da praia do Leme.

– A Conmebol tem dessas coisas. A gente foi punido, mas não ouvimos nada sobre a briga na praia com os uruguaios. Agora fiquei sabendo que os clubes que jogam na altitude aumentam as libras nas bolas, de 12 para 15. Vamos ficar de olho nisso – continuou.

Por fim, Abel Braga confirmou que já tem a escalação em mente.

– Eu já tinha dito antes que após o jogo contra o Vasco já começamos a pensar no próximo jogo. Pegamos o que teve de melhor nos últimos jogos e vamos tentar repetir. Não vamos mudar nosso estilo, mas sabemos que o adversário joga de forma muito vertical, com bolas no atacante – falou.

Mesmo sem confirmar, Abel Braga deve optar em repetir a escalação do primeiro jogo contra o Vasco, na final do Campeonato Carioca. Assim, Diego fica no banco de reservas, com o ataque sendo formado por Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabriel.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document