sexta-feira, 13 de dezembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Esporte / Fluminense cede empate ao Atlético-MG, mas sai da degola do Brasileiro

Fluminense cede empate ao Atlético-MG, mas sai da degola do Brasileiro

Matéria publicada em 16 de novembro de 2019, 23:01 horas

 


(Foto: Lucas Merçon/Fluminense F.C.)

Rio de Janeiro – O Fluminense não fez o dever de casa e empatou por 1 a 1 com o Atlético-MG, neste sábado, no Maracanã. Com o resultado, os tricolores chegaram a 35 pontos e saíram da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Já os mineiros, com 41, se afastou um pouco mais da degola.

O Fluminense iniciou a partida com tudo e marcou o seu gol após Patric mandar a bola para a própria rede. O Atlético-MG pouco ameaçou durante os 90 minutos, mas conseguiu o empate nos minutos finais, com Di Santo.

O jogo
O Fluminense começou melhor a partida e quase abriu o placar aos três minutos. Após cruzamento, a bola chegou em Gilberto, que cabeceou colocado, no canto oposto de Clayton. No entanto, o goleiro mineiro se esticou para salvar os visitantes.

O lance animou os tricolores, que mantiveram a pressão no campo de ataque. De tanto insistir, o Fluminense marcou aos 15 minutos. Yony González foi lançado e tocou para o meio da área. Patric viu a chegada de Marcos Paulo e tentou fazer o corte, mas mandou para a própria rede.

Aos poucos, o Atlético-MG conseguiu equilibrar o jogo na posse de bola, mas pouco incomodava no ataque. O Fluminense continuava melhor em campo e quase ampliou aos 25 minutos. Após cruzamento, Yony González acertou finalização de primeira, mas sobre o travessão.

Na parte final da etapa inicial, o equilíbrio prevaleceu. O Atlético-MG tentou assustar, mas só conseguia finalizar de longe. O Fluminense chegava com mais intensidade, só que não concluiu bem em gol. Mesmo assim, os tricolores mantiveram a vantagem até o intervalo.

No segundo tempo, o Atlético-MG voltou com outra postura e foi em busca do empate. Logos aos dois minutos, Di Santo acertou chute forte da entrada da área e assustou o goleiro Marcos Felipe. Ao contrário do primeiro tempo, o Fluminense preferiu não se expôr na defesa, mas mesmo assim avançava com mais objetividade que o adversário.

Os mineiros só criaram boa chance aos 29 minutos, quando Cazares fez grande jogada individual, mas acabou desarmado por Allan já dentro da área.

O lance acordou o Fluminense, que melhorou a marcação e passou a ter mais posse de bola. Os tricolores seguiram com a vocação ofensiva, mas pecava muito nos passes.

Nos minutos finais, o Atlético-MG esboçou uma reação em busca da igualdade. Os mineiros conseguiram chegar ao empate aos 43 minutos. Após cruzamento de Marquinhos, a bola chegou em Di Santo, que chutou cruzado, sem chance para Marcos Felipe para decretar o resultado no Maracanã.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 1 X 1 ATLÉTICO-MG

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 16 de novembro de 2019 (Sábado)
Horário: 19h (de Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (RS) e Lucio Beiersdorf Flor (RS)
Renda: R$ 478.110,00
Público: 23.168 pagantes
Cartões amarelos: Marcos Felipe e Digão (Fluminense); Réver, Igor Rabello e Jair (Atlético-MG)
GOLS
FLUMINENSE: Patric (contra), aos 15min do primeiro tempo
ATLÉTICO-MG: Di Santo, aos 43min do segundo tempo

FLUMINENSE: Marcos Felipe, Gilberto, Nino, Digão e Orinho (Igor Julião); Yuri, Allan, Daniel e Paulo Henrique Ganso (Dodi); Yony González (Wellington Nem) e Marcos Paulo
Técnico: Marcão

ATLÉTICO-MG: Cleiton, Patric (Geuvânio), Réver, Igor Rabello e Fábio Santos; Zé Welison, Jair (Vinícius), Luan, Bruninho (Cazares) e Marquinhos; Di Santo
Técnico: Vagner Mancini


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. Avatar

    Dessa vez vai. Com esse timeco estamos garantidos na série B. A não ser que o homem da mala aparecer nas Larangeiras

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document