>
terça-feira, 28 de junho de 2022 - 21:43 h

TEMPO REAL

 

Capa / Região / Frio intenso em Resende gera aumento de 30% na procura pelo abrigo da prefeitura

Frio intenso em Resende gera aumento de 30% na procura pelo abrigo da prefeitura

Matéria publicada em 23 de maio de 2022, 16:52 horas

 


No primeiro sinal de baixas temperaturas, com o inverno de aproximando, gestão municipal se mostra preparada para resguardar população em situação de rua

Devido ao frio a prefeitura ampliou o atendimento no abrigo institucional e, como consequência, recebeu, em média, um acréscimo de 30% de pessoas – Foto; Carna Rocha(PMR).

Resende- Uma frente fria passou pela região Sul Fluminense na última semana e trouxe os primeiros dias frios de um período que precede a chegada do inverno. A Prefeitura de Resende, através da Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos, ampliou o atendimento no abrigo institucional e, como consequência, recebeu, em média, um acréscimo de 30% de pessoas que utilizaram o atendimento. O serviço chega, nesta segunda-feira, ao último dia de atendimento pelo modelo adaptado ao frio, com espaço para mais usuários.

Após alertas meteorológicos de que a semana seria de baixas temperaturas, a gestão municipal tomou a iniciativa de reorganizar as vagas para adaptar à chegada de mais pessoas em situação de rua. O número de vagas para pessoas que ficariam por poucas noites foi ampliado, chegando a receber 10 pessoas com este perfil, além dos 28 usuários já referenciados ao abrigo. A média ficou em torno de 8 usuários em virtude da temperatura por dia.

De acordo com a meteorologia, as temperaturas máximas dos próximos dias tendem a aumentar e os primeiros indícios da proximidade com o inverno irão dar uma trégua. Segundo a secretária municipal de Assistência Social e Direitos Humanos, Jacqueline Primo, a primeira onda de frio foi uma experiência bem sucedida para o serviço de abrigo da Prefeitura de Resende.

– Na semana de baixas temperaturas, o serviço se adaptou, com antecedência, e se preparou para receber uma carga maior de pessoas e prestar assistência a elas. Infelizmente lidamos com muitas recusas e as buscas ativas nas ruas acabam não adiantando em alguns casos. Esse período nos ajudou, no entanto, a entender um pouco mais sobre o comportamento e monitorar a situação, pois o inverno se aproxima e queremos atender essa população com assertividade – explicou a secretária.

Além da assistência prestada no abrigo da prefeitura, equipes de profissionais qualificados para a tarefa continuam realizando abordagens noturnas em locais e horários estratégicos, buscando monitorar e ajudar pessoas em situação de rua. O Centro Pop também segue atendendo a população em situação de rua e atuando como grande aliado.

A gestão municipal continua aceitando doações de cobertores e agasalhos, cujo material é destinado às pessoas em situação de rua durante as abordagens noturnas. Os munícipes podem entrar em contato com o Acolhimento Institucional através do telefone:(24)3381-8672 para agendar as doações.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document