segunda-feira, 24 de fevereiro de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Tempo Real / Funcionária de asilo é presa por dar comida e medicamentos vencidos a idosos em Paty do Alferes

Funcionária de asilo é presa por dar comida e medicamentos vencidos a idosos em Paty do Alferes

Matéria publicada em 13 de novembro de 2015, 20:06 horas

 


Paty do Alferes – Uma mulher 49 anos, de nacionalidade argentina, foi presa na última quinta-feira (12), por suspeita de dar medicamentos e alimentos vencidos a idosos de um asilo de Paty do Alferes. Ela foi indiciada por crime contra as relações de consumo e transferida nesta sexta para o Complexo Penitenciária de Gericinó, no Rio.

A argentina foi presa após o promotor de Justiça de Paty do Alferes, Charles Weksler, comparecer ao asilo e confirmar uma denúncia a qual vinha investigando. Ele encontrou mantimentos e medicamentos com prazo de validade vencida na instituição e todo o material foi apreendido e levado para a delegacia de Miguel Pereira (96ª DP), onde serão periciados.

O delegado Luiz Fernando Nader Damasceno informou que depois do flagrante foi descoberto que a mulher estava em situação irregular no Brasil, onde mora há 27 anos. Ele contou que já enviou ofício à Polícia Federal em Nova Iguaçu, expondo a situação da argentina.

Além dela, a diretora do asilo também foi autuada pelo mesmo crime, mas como não foi presa em flagrante, responderá pelo crime em liberdade. Segundo o delegado, ela se apresentou com seu advogado após sair do estado de flagrância.

Nader explicou ainda que o asilo é mantido pelo Sase (Serviço de Assistência Social e Evangélico) do pastor Isaias Maciel que mantém também hospitais na Baixada Fluminense.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

2 comentários

  1. Avatar

    Será que estavam querendo economizar nos remédios? Se vasculharem um pouco mais, é capaz de a comida servida também ser de péssima qualidade, até mesmo vencida… O asilo deve ser usado como uma instituição de fachada para justificar os dízimos pagos à igreja, para mostrar aos fiéis que seu dinheiro é usado nessas “obras sociais”… Eu tenho muito nojo disso, repulsa sem tamanho!…

Untitled Document