>
sexta-feira, 27 de maio de 2022 - 16:45 h

TEMPO REAL

 

Capa / Tempo Real / Grupo é preso e 15 quilos de maconha são apreendidos em Volta Redonda

Grupo é preso e 15 quilos de maconha são apreendidos em Volta Redonda

Matéria publicada em 5 de abril de 2015, 18:40 horas

 


 

Volta Redonda –

O delegado adjunto da 93ª DP (Volta redonda), Márcio Leandro Figueiroa, apresentou na tarde de ontem(4) a jornalistas, Hugo Leonardo da Silva, de 34 anos, e Aline Vitor dos Santos, de 19 anos, naturais da Ilha do Governador, e Rodrigo Oliveira de Abreu, de 21 anos, e João Vitor Ferreira Roque, de 18 anos, ambos de Volta Redonda. Eles são suspeitos de integrar a quadrilha que seria comandada por Jhonatan Filipe Saturnino da Silva, o “Nem Sapão”, apontado pela polícia como o chefe do tráfico de drogas no Morro da Conquista, no bairro Santo Agostinho, e preso em janeiro deste ano.

Além dos quatro presos, foram apreendidos aproximadamente 15kg de maconha, divididos em 14 tabletes, R$ 5 mil, uma balança de precisão e cinco celulares.

Durante a apresentação Figueiroa explicou que o grupo foi identificado após uma denúncia de que um carregamento de drogas, vindo do Rio, seria entregue próximo ao campo do Flamenguinho, no bairro Vila Americana, em Volta Redonda.

– Diante da informação de que a droga seria entregue entre a tarde e a noite de sexta-feira, uma viatura descaracterizada foi até o local. Por volta das 22h, uma Eco Sport parou e chamou a atenção dos agentes que fizeram a abordagem e encontraram a droga escondida no estofado – explicou o delegado.

Na ação, os suspeitos teriam confessado estar na posse das drogas e no momento em que conversavam com os agentes eles receberam uma ligação dos integrantes que iriam receber o material. Em seguida eles chegaram e foram presos. Na delegacia os três presos disseram que iriam falar somente na frente do juiz. O delegado disse ainda que Aline não participou da apresentação, pois está gravida, passou mal e precisou ser encaminhada ao hospital.

– Nós acreditamos que por ela estar grávida, ela foi usada na ação para poder despistar os agentes numa possível abordagem – acrescentou.

Figueiroa completou dizendo que dos presos apenas Aline não possuía anotações criminais, segundo o delegado, João Vitor tem duas passagens, ainda quando era menor por tráfico e porte ilegal de arma; Rodrigo também uma quando menor por roubo e porte de drogas para consumo, e quando maior ele teria duas passagens por tráfico, uma tentativa de homicídio e um porte ilegal de arma; já Hugo, teria apenas uma passagem por Lei Maria da Penha em 2012.

– Com a prisão desse grupo, a quadrilha está desarticulada, mas nós vamos continuar as investigações para chegar até o fornecedor do Rio de Janeiro – concluiu o delegado.

Os três homens foram transferidos hoje para Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, no Rio de Janeiro. Já Aline, por estar grávida permanece em um hospital de Volta Redonda.

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

6 comentários

  1. Cinco mil pra comprar quinze quilos, com certeza essa é chuchu paia.

  2. Vergonha do Bairro

    Parabéns ao delegado Dr Márcio Figueiroa e sua equipe de grandes policias que fezeram a apreensão. Que Deus continue iluminando -os e protegendo- os. No bairro não existem apenas pessoas ruins não, existem pessoas de bem que agradecem à polícia por seu trabalho,Lá em cima também tem “gente boa” são muito educados e prestativos, só pitam o cigarrinho do capeta de madrugada na porta das pessoas de bem. Infelizmente é uma vergonha umas coisas deste tipo; FELIZ PÁSCOA A TODOS VOCÊS!

  3. parabens policia

  4. Legalize jah

  5. Muito bom, o negocio é apertar esses ratos e continuar sondando esse bairro… Principalmente a aquela rua que liga ao morro da conquista, no final da rua Suriname… e praça

Untitled Document
close