segunda-feira, 10 de dezembro de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Lazer / Guia de leitura: Dez argumentos para deletar suas redes sociais

Guia de leitura: Dez argumentos para deletar suas redes sociais

Matéria publicada em 26 de novembro de 2018, 07:13 horas

 


Jaron Lanier acha que elas vão transformar você num babaca!

O cientista de computação, Jaron Lenier, trabalha na Microsoft e é considerado um dos pais da realidade virtual. Nos últimos anos ele se tornou um crítico ferrenho do mundo que ajudou a criar, principalmente das chamadas redes sociais. No livro “Dez argumentos para você deletar agora as suas redes sociais”, publicado no Brasil pela editora Intrínseca, ele explica como os Whatsapps e Facebooks da vida dominam seus usuários e os transformam em pessoas medíocres e sem opinião própria.
Lanier não tem conta em nenhuma rede social e explica porque: “Evito as redes sociais pelo mesmo motivo que evito as drogas”. Segundo o autor as bases da internet foram fundamentadas em um modelo de negócio regido pelas propagandas. E os anúncios ganharam uma nova dimensão a medida que a internet se desenvolvia. O que antes era a mera exposição de um produto, agora é uma engrenagem de algoritmos que modificam o comportamento de milhões de pessoas diariamente. Sem que elas percebam que estão sendo manipuladas.
E no centro desse mecanismo de lavagem cerebral coletiva estão as redes sociais. Para Lanier elas acabam com o livre arbítrio, estimulam emoções negativas e distorcem a percepção da realidade. No livro ele lista dez argumentos contra as redes sociais. Ele diz que as redes fazem a pessoa viver dentro de uma bolha, vendo só aquilo que gosta e tendo seu comportamento monitorado para se ajustar ainda mais aos chamados feeds. As redes destroem nossa capacidade de empatia, estimulando a crítica e o ódio contra aqueles que não pensam como nós.
“As redes sociais estão transformando você num babaca”, alerta Lanier. Ele cita o argumento do lobo solitário, que quando colocado em uma matilha se vira contra os membros inferiores do grupo e contra as outras matilhas. Conflitos antigos são recriados e agravados pelas redes sociais porque o design dessas redes se baseia em comportamentos e sentimentos negativos. O livro custa em torno dos 35 reais e fala de temas atuais como as fake News.

Por: Jorge Luiz Calife


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. Anderson dos Santos Costa

    Concordo em parte com os argumentos apresentados, porque apesar de muitas coisas idiotas serem publicadas nas redes sociais, elas deram voz a quem era censurado e permitiram as dezenas de milhões de pessoas da maioria silenciosa fugirem de outra manipulação: da mídia ideologicamente enviesada. Como tudo na vida trata-se de um tradeoff, escolha onde você perde menos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document