domingo, 16 de junho de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Destaque / Identificado homem que morreu ao trocar tiros com PMs em Angra

Identificado homem que morreu ao trocar tiros com PMs em Angra

Matéria publicada em 9 de janeiro de 2019, 10:57 horas

 


Ele é suspeito de integrar quadrilha que invadiu casa onde estavam jogadores do Grêmio

Materiais apreendidos após o cessar fogo, na Estrada do Ariró, em Angra dos Reis (Foto: PM)

Angra dos Reis – Policiais militares identificaram como Paulo Moreira, de 42 anos, um dos dois homens, que morreu na terça-feira (8), após trocar tiros com policiais militares, no bairro Ariró, em Angra dos Reis. O segundo homem que também veio a óbito, ainda não foi identificado.

Eles são suspeitos de invadirem, no ano passado, a casa onde jogadores de futebol do Grêmio passavam temporada num condômino de luxo, em Angra dos Reis.

Os dois corpos continuam no Instituto Médico Legal (IML) da cidade. Um jovem de 19 anos também ficou ferido, sem gravidade. Ele, após ser medicado no Hospital Geral da Japuiba, foi apresentado ao delegado titular da 166ª DP (Angra dos Reis), Bruno Gilaberte.

Os três suspeitos, que seriam do bairro Belém e integrantes da facção criminosa Terceiro Comando Puro (TCP), estavam num Toyota Hilux quando se depararam com carro da PM, na Estrada do Ariró. O trio estava seguido para o bairro Bracuí para tentar resgatar comparsas, que tinham acabado de se confrontar com agentes do 33º Batalhão da PM.

Após o cessar fogo, na Estrada do Ariró, os PMs se depararam com os dois homens mortos e com o jovem ferido. No veículo, os policiais apreenderam duas pistolas de calibre 9 milímetros, carregador, 39 tiras de maconha e 86 pinos de cocaína.

Suspeitos faziam parte de quadrilha de roubo

Policiais militares e o delegado Bruno Gilaberte, explicaram  que os dois homens que morreram faziam parte uma quadrilha especializada em assaltos a mão armada, em Angra dos Reis. Eles teriam participado, em julho do ano passado, da invasão de uma casa alugada por temporada, pelos jogadores de futebol do Grêmio, num condomínio de luxo, também em Angra.

Na ocasião, a quadrilha roubou relógios, celulares, dinheiro, entre outros objetos dos jogadores.

– Eles (bandidos) invadiram a casa onde estava os jogadores, por via marítima. A mesma quadrilha praticou roubo no Bar do Chuveiro e num posto de combustível, no bairro Bracuí – disse o delegado.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. Avatar

    Parabens aos policiais menos vagabundo na cidade que continuem assim parabens

Untitled Document