Junho Violeta: VR investe em informação para prevenir e combater violência contra idosos

Nos primeiros três meses deste ano, foram registradas 42.995 denúncias de violações no país, superando os 33.546 registros do mesmo período do ano passado

by Lívia Nascimento

Ao meio, o secretário de Ordem Pública, Luiz Henrique Monteiro Barbosa – Foto: Semop/VR

Volta Redonda –  Durante o mês de junho, conhecido como ‘Junho Violeta’, conforme instituído pela Organização das Nações Unidas (ONU), a Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) vai fortalecer as ações que têm sido implementadas para assegurar o cumprimento dos direitos dos idosos, incluindo patrulhas especializadas e palestras educativas em toda a cidade.

De acordo com a pasta, a Semop distribui exemplares do Estatuto da Pessoa Idosa e oferece explicações sobre a legislação vigente, tendo capacitado 5.400 pessoas, principalmente idosos, em 74 bairros. Este serviço, pioneiro no estado, inclui a Patrulha de Proteção ao Idoso, que atua no combate à violência e no acompanhamento de vítimas de maus-tratos e abusos. A atuação é integrada com as secretarias de Esporte e Lazer (Smel) e de Assistência Social (Smas), além da Polícia Civil (93ª DP) através do Núcleo de Atendimento ao Idoso (Nuai).

De acordo com o secretário municipal de Ordem Pública, coronel Luiz Henrique Monteiro Barbosa, a maioria dos crimes contra idosos em Volta Redonda é cometida por pessoas próximas, devido ao desconhecimento da lei, condições socioeconômicas precárias ou falta de preparo para cuidar dos idosos.

“Observamos que muitos idosos sofriam violência sem conhecer seus direitos, assim como os próprios agressores. Não adianta termos o Nuai e a Patrulha de Proteção ao Idoso se eles desconhecem seus direitos. Por isso, estamos visitando diversos grupos de convivência para divulgar a legislação. Nossos atendimentos são diários e estamos avançando”, explicou o secretário.

Luiz Henrique também destacou a importância de que qualquer pessoa seja capaz de identificar situações de abuso e denunciar.

“Queremos que todos os moradores de Volta Redonda conheçam este trabalho de proteção aos idosos, sejam capazes de reconhecer uma situação de violência e busquem a ajuda necessária, seja através da Patrulha do Idoso, do Nuai, da delegacia da Polícia Civil, do ‘Advogado Social’ da Smas ou do Disque Direitos Humanos, o Disque 100 (serviço nacional)”, afirmou Luiz Henrique.

“O nosso trabalho é consistente e já está sendo levado para outros municípios, com a indicação do deputado estadual Munir Neto e aprovação na Alerj para implementação em todo o estado do Rio”, concluiu o secretário.

Fortalecimento dos direitos dos idosos

No próximo sábado (15), das 9h ao meio-dia, a Semop realizará um evento na Biblioteca Municipal Raul de Leoni, na Vila Santa Cecília, promovendo o fortalecimento dos direitos dos idosos através de ações culturais e esportivas. O evento contará com a parceria do Instituto Dagaz, que lançará o projeto ‘Cinestesia às Margens’, e o apoio da Associação dos Aposentados e Pensionistas de Volta Redonda (AAP-VR), das secretarias de Assistência Social (Smas), de Esporte e Lazer (Smel) e Cultura (SMC), do Conselho do Idoso, da Operação Segurança Presente e da Polícia Civil (93ª DP).

Aumento nas denúncias em 2024

Dados da Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos (ONDH) indicam um aumento nas denúncias de violações contra idosos no país em 2024 em comparação com 2023. Nos primeiros três meses deste ano, foram registradas 42.995 denúncias de violações, superando os 33.546 registros do mesmo período do ano passado e os 19.764 de 2022. As violações mais comuns em 2024 incluem negligência (17,51%), exposição a riscos à saúde (14,68%), tortura psíquica (12,89%), maus-tratos (12,20%) e violência patrimonial (5,72%).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

You may also like

Leave a Comment

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

(24) 99926-5051 – Jornalismo

(24) 99234-8846 – Comercial

(24) 99234-8846 – Assinaturas
.

Image partner – depositphotos

Canal diário do vale

colunas

© 2024 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996