segunda-feira, 17 de junho de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Economia / Lançado edital de empreendedorismo para mulheres em Volta Redonda

Lançado edital de empreendedorismo para mulheres em Volta Redonda

Matéria publicada em 9 de junho de 2019, 16:47 horas

 


Inscrições vão até 28 de junho; iniciativa durará seis meses e tem como objetivo fortalecer os negócios liderados por mulheres

Projeto visa aumentar a competitividade dos negócios liderados por mulheres
(Foto: Reprodução internet)

Volta Redonda – Estão abertas as inscrições para o edital Sebrae Delas – Mulher de Negócios. A iniciativa visa fortalecer os negócios liderados por mulheres, por meio de orientações sobre gestão empresarial e comportamento empreendedor. Poderão se inscrever empreendedoras situadas em Volta Redonda e região. As inscrições vão até a 28 de junho de 2019, por meio do link https://bit.ly/2EKwiub e as selecionadas irão participar do projeto com duração de seis meses (julho a dezembro de 2019). Todas as participantes serão avaliadas com base no nível de maturidade do seu negócio e de acordo com o porte (candidata a empresária, microempresa ou microempreendedor individual – MEI).

De acordo com a coordenadora do Comunidade Sebrae, Carla Panisset, esse projeto visa aumentar a competitividade dos negócios liderados por mulheres, trabalhando as habilidades que elas mais precisam para desenvolver suas empresas.

– Temos que mudar a realidade da maioria dos negócios liderados por mulheres, que possuem pouco valor agregado e geram menos receita do que os negócios liderados por homens – conta.

Conforme constatou um relatório produzido pelo Sebrae, representantes do sexo feminino empreendem movidas principalmente pela necessidade de ter uma outra fonte de renda ou para adquirir a independência financeira. Hoje, as 9,3 milhões de mulheres que estão à frente de um negócio representam 34% de todos os donos de negócios formais ou informais no Brasil.

Principais dados das mulheres empreendedoras (Sebrae Nacional)

– Entre 49 países do mundo, o Brasil tem a 7ª maior proporção de mulheres entre os “Empreendedores Iniciais”
– As mulheres Donas de Negócio (formais e informais) são mais jovens, do que os homens. São 43,8 anos contra 45,3 anos no caso do sexo masculino
– As Donas de Negócio têm maior escolaridade (16% maior), mas ganham – em média – 22% a menos que os homens na mesma posição
– Parcela expressiva das mulheres Donas de Negócio trabalha em casa – 25%. No caso específico das mulheres que são Microempreendedoras Individuais (MEI) esta proporção sobe para 55%.
– As mulheres empresárias tomam menos empréstimo e com valor médio igualmente menor. O valor médio do empréstimo para mulheres é – em média – R$ 13.071 menor que o dos homens.
– As empresárias pagam taxas de juros maiores. A taxa anual para empresárias é 3,5 pontos percentuais acima dos donos de pequenos negócios
– A taxa de inadimplência das mulheres é inferior à registrada por homens. 3,7% para mulheres contra 4,2% para os empresários
– Quase metade dos MEI existentes no país são mulheres (48%).
– As mulheres MEI se destacam em atividade de beleza, moda e alimentação
– As mulheres MEI trabalham mais em casa (55%)


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document