;
sexta-feira, 4 de dezembro de 2020 - 23:09 h

TEMPO REAL

 

Capa / Plantão da redação / Mais de 6 mil jovens participaram do Dia Nacional da Juventude 2020

Mais de 6 mil jovens participaram do Dia Nacional da Juventude 2020

Matéria publicada em 26 de outubro de 2020, 13:51 horas

 


Pela primeira vez o evento foi realizado em formato virtual

Pela primeira vez DNJ foi realizado de forma virtual-Foto: Divulgação

Diocese- A juventude da Diocese de Barra do Piraí- Volta Redonda se uniu a toda Igreja Católica do Brasil para celebrar o Dia Nacional da Juventude (DNJ), realizado no domingo, dia 25.

O evento, marcado pela expressiva presença de jovens de toda a diocese todos os anos, precisou apostar na realidade virtual nesse momento de pandemia. Mesmo de suas casas, os jovens se fizeram presentes e abrilhantaram a transmissão ao vivo nas redes sociais da diocese.

Sob o tema “Fraternidade e Vida: Dom e Compromisso” e o lema: “Ouviu e juntos com eles caminhou” (Lc 24 – 15,17), o encontro proporcionou para a juventude diocesana momentos importantes de reflexão e aprofundamento na realidade dos jovens do Brasil e nos trabalhos realizados pela Igreja.

O coordenador do Setor Juventude Diocesano, padre Tiago Signorini ressaltou que mesmo em tempos difíceis, a missão foi cumprida. “Hoje esses jovens puderam transmitir pelas redes sociais a alegria desse encontro com Jesus Cristo. Foram mais de seis mil visualizações, conseguimos atingir um grande número de pessoas e com certeza nossa juventude foi contemplada, mesmo com todas as limitações do tempo presente”, disse.

O evento que contou com roda de conversa, louvor e adoração, foi encerrado com a Santa Missa. Durante a homilia o bispo diocesano, dom Luiz Henrique, destacou o valor da juventude para uma Igreja cada dia mais renovada. “Jesus quer uma Igreja Jovem, renovadora e que se transforma sempre na fidelidade ao Reino. Vivamos essa experiência rejuvenescedora da fé. Rejuvenescidos no amor de Deus é que vamos em frente”, pontuou o bispo.

Gesto Concreto

A parte da manhã do evento foi dedicada à arrecadação de alimentos. Jovens das quatro regiões pastorais se uniram nesse exemplo de gesto concreto que beneficiará famílias assistidas em suas comunidades, de acordo com cada realidade pastoral de cada uma. Renan Furtado é membro da Pastoral da Juventude e afirmou ser esse um momento de unir o trabalho pastoral e social em benefício dos irmãos. “Acredito que nós cristãos, além de levar a Palavra, estamos fazendo um belo papel de solidariedade. Quantas comunidades nossas se uniram e não deixaram tantos irmãos passarem necessidades nessa pandemia. Nossa maior contribuição tanto para a Igreja quanto para a sociedade é nos colocar a serviço. A serviço da Igreja para ouvir nosso irmão e da sociedade com o que fazemos no dia a dia”, disse.

Ainda sobre a importância do olhar para o outro, Mariana Palmeira, também da Pastoral da Juventude, disse acreditar que a participação da Igreja na vida social é necessária e importante. “Nesse tempo de pandemia, em que nossa economia está ainda mais fragilizada, vemos tantos jovens que antes já não tinham oportunidade hoje se vendo sem esperança e muitas vezes acabam seguindo outros caminhos. Nossa vida de cristãos tem que nos fazer buscar a fraternidade sem distinção, somos todos filhos do mesmo Pai e membros da mesma Igreja”, falou.

“Não dá pra se fazer comunidade quando alguém sofre, passa fome, tem sua liberdade cerceada ou sofre de violência. Não dá pra ser comunidade plenamente quando não temos vida digna pro nosso povo e os movimentos e pastorais sociais dentro da nossa Igreja nos ajudam nesse processo, especialmente com a doação de alimentos nesse momento que tanta gente sofre”, completou Mariana.

Sobre o DNJ

O Dia Nacional da Juventude surgiu em 1985, quando a ONU criou o “Ano Internacional da Juventude”. A partir disso, a CNBB criou o DNJ como uma atividade permanente nas dioceses do Brasil. A atividade reúne diferentes expressões jovens nas dioceses em um dia de celebração, oração e reflexão.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document