domingo, 15 de setembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Polícia / Mais dois suspeitos morrem e dois policiais do Bope são baleados em Angra

Mais dois suspeitos morrem e dois policiais do Bope são baleados em Angra

Matéria publicada em 24 de agosto de 2018, 07:43 horas

 


Operação no Areal e no Belém, em Angra dos Reis, prende um foragido da Justiça e apreende armas, munições carros e drogas

Angra dos Reis – Dois  supostos bandidos foram mortos e dois policiais da tropa de elite da PM foram baleados  em mais uma troca de tiros. Desta vez, o confronto entre criminosos e agentes do Batalhão de Operações Especiais (Bope)  foi no bairro Belém.

Os suspeitos foram socorridos no Hospital Geral da Japuíba, mas não resistiram aos ferimentos. No tiroteio, um sargento e um cabo da PM foram feridos e socorridos no mesmo hospital.  Foram apreendidos dois fuzis e drogas no local da troca de tiros.

Na noite de quarta-feira,  policiais haviam trocado tiros com traficantes no bairro do Frade. Um homem foi baleado e morreu no mesmo dia, no Hospital Geral da Japuiba.  O Bope está na cidade há dois dias desde que o prefeito Fernando Jordão decretou situação de emergência na segurança do município.

Preso em operação

Paralelo aos confrontos, foi realizada uma operação por diversas forças policiais na manhã desta sexta-feira (24), um homem foi preso. Várias apreensões foram feitas, entre elas, veículos roubados, armas, explosivos e drogas. Segundo a Polícia Civil, o homem preso era foragido Justiça e responderá por roubo.

Foram apreendidos ainda seis veículos roubados (três carros e três motos), um fuzil, 58 munições, sete granadas caseiras, nove frascos de lança perfume (conhecido como “loló”) e quatro rádio comunicadores utilizados no tráfico de drogas.

A operação, batizada de “Livre Arbítrio”, aconteceu nos bairros Belém e Areal e teve apoio de um helicóptero.

Em virtude da operação, alunos ficaram sem aula e unidades de saúde deixaram de funcionar.

 

2 comentários

  1. Avatar

    Parabéns pela ação da polícia militar.
    Combater esses vagabundos é prioridade, antes que a população de Angra comece a idolatrar bandidos, igual ao povo das favelas do Rio de janeiro fazem.
    Bandido bom, é bandido bem morto !

  2. Avatar
    Povo quer segurança

    Boa recuperação aos dois policiais! Quanto aos supostos bandidos, nada a declarar.

Untitled Document