Mario Esteves participa de encontro com o Estado e União

Cidade já está em estado de calamidade; foram mais de 1,2 mil pessoas atingidas e 125 desalojadas

by Lívia Nascimento

Barra do Piraí – O prefeito de Barra do Piraí, Mario Esteves, participou do encontro de prefeitos das cidades atingidas pelas chuvas que caíram na Baixada e no Sul Fluminense nesta semana. A reunião ocorreu, nesta sexta-feira (23), na Câmara Municipal de Japeri e teve como objetivo definir ações que diminuam os estragos da população atingida, promovendo medidas de emergência para amparar desalojados e identificando situações de risco. Participaram o secretário nacional de Defesa Civil, Wolnei Wolff; do secretário de Estado de Governo, Bernardo Rossi; do coronel Leandro Monteiro, secretário de Estado de Defesa Civil; e do secretário especial de Assuntos Federativos, André Ceciliano.

Após sobrevoarem as cidades atingidas pelas chuvas, os prefeitos e demais autoridades dos governos do Estado e Federal se dirigiram até à Câmara de Japeri, onde o encontro foi presidido por André Ceciliano. Prefeito de Paracambi, Ceciliano conhece bem a região e falou sobre como a União pretende auxiliar nas ações nos municípios afetados pelas chuvas. “O Governo Federal lamenta as mortes por todo o estado. Agora, é tempo de tomada de decisões em prol da nossa população”, afirma Ceciliano.

Durante o encontro, Mario Esteves ressaltou que terá uma agenda de trabalho, de forma propositiva, onde serão inseridos dados em uma plataforma do Governo Federal contendo as obras que foram destruídas nas chuvas anteriores e nessa. O chefe do Executivo frisou que já existem projetos e planilhas e que estão sendo atualizadas pelas secretarias de Obras Públicas e de Defesa Civil.

“Já possuíamos os projetos e recursos; agora a expectativa é que o Governo Federal chegue com os recursos. Vamos inserir nessa plataforma o que já tínhamos. Para obter os recursos o mais rápido possível, um novo relatório está sendo montado e, brevemente, vou a Brasília para apresentar e tentar a sua liberação. A cidade já está em estado de calamidade, por conta das mortes e de tudo o que nos acometeu, deixando mais de 1,2 mil pessoas atingidas e 125 desalojados”, salienta o chefe do Executivo.

O município teve quatro mortes confirmadas em decorrência das chuvas (sendo todas elas da mesma família, incluindo um bebê de um ano). O monitoramento de diferentes secretarias segue sendo realizado em diversos pontos, sendo que, em alguns deles, ainda há locais de deslizamentos de terras.

Bernardo Rossi afirmou que a determinação do governador Cláudio Castro é que os secretários acompanhem de perto e coloquem à disposição toda a estrutura estadual, para apoiar os prefeitos das cidades acometidas pelo temporal.
– Sobrevoamos várias áreas atingidas pelas chuvas e em todas há maquinários do estado. Temos mais de 100 máquinas e centenas de homens trabalhando para o retorno da normalidade. O governador Cláudio Castro determinou que todos os secretários trabalhem, sem medir esforços – declarou o secretário de governo, Bernardo Rossi.
– Estamos trabalhando incansavelmente desde as chuvas de janeiro. Produzimos alimentos para agilizar o atendimento às famílias. Já foram entregues até hoje mais de 30 mil refeições prontas. E seguimos à disposição das prefeituras para dar suporte e apoiar de forma integral – disse a secretária de Estado de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, Rosangela Gomes.

You may also like

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

(24) 99926-5051 – Jornalismo

(24) 99234-8846 – Comercial

(24) 99234-8846 – Assinaturas
.

Image partner – depositphotos

Canal diário do vale

colunas

© 2024 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996