segunda-feira, 24 de janeiro de 2022 - 23:36 h

TEMPO REAL

 

Capa / Educação / Médico que atua como professor do Mep faz recomendações aos alunos que irão participar do Enem

Médico que atua como professor do Mep faz recomendações aos alunos que irão participar do Enem

Matéria publicada em 15 de janeiro de 2021, 12:05 horas

 


Médico Miguel Tepedino faz diversas recomendações para quem for ao exame do Enem – Foto: Divulgação.

Volta Redonda- A preocupação com o estado emocional dos alunos tem levado os professores do Pré-vestibular Cidadão do Mep(Movimento Ética na Política), a manterem nestes últimos dias, um contato permanente com cerca de 30 alunos inscritos para o Enem(Exame Nacional do Ensino Médio), tendo em vista a situação de insegurança que ronda todo o processo.

E foi justamente pensando numa forma de ajudar esses alunos que o médico pediatra Miguel Tepedino Neto, que é professor de biologia no Mep, desde 2001, encaminhou algumas orientações práticas para os alunos, com vista a evitar contágios com coronavirús, Covid-19.

Segundo o médico e professor do Mep, os alunos que irão prestar o exame do Enem devem se manter bem hidratados, e para isso é necessário ingerir bastante líquido, principalmente suco de frutas natural, em especial no dia anterior.

O médico alerta que o sono é primordial, por isso o aluno dever dormir cedo, pois noite mal dormida reduz a imunidade.

Outra boa dica do pediatra é estar no local da prova no horário estipulado pelos organizadores, e procurar evitar ao máximo aglomerações nas entradas dos locais de provas.

O pediatra lembra que ansiedade em excesso também produz queda na imunidade.

Uma outra recomendação do professor de biologia do Mep é usar uma máscara adequada. “Se ficar úmida deve ser trocada, de 3 em 3 horas, por isso, levar algumas reservas, descartando a usada em um saco plástico; só manusear a máscara pelo elástico; evitar tocar na região do nariz e dos olhos”, alerta.

Segundo o médico Miguel Tepedino, a boca e nariz devem estar sempre cobertos. “Levar frasquinho transparente de álcool gel para ser usado, também, antes da troca das máscaras”, diz.

Uma outra sugestão do médico é a de Certificar sempre da distância de 1,5 metros de outras pessoas na sala.

O médico também aconselha aos alunos que levem canetas de casa. “Se pegar emprestada deve ser esterilizada com álcool 70%”, alertou.

Após o término da prova, o professor do Mep recomenda higienizar as mãos com álcool gel e ir direto para casa assim que terminar o exame. Ao chegar à casa, o médico recomenda trocar a roupa e banhar-se bem antes do contato com familiares e amigos. “A roupa utilizada deve ser colocada em saco plástico e encaminhada para lavagem. Tomando todos os cuidados preconizados, o aluno estará minimizando o risco de adquirir e transmitir a Covid-19, aconselhou o médico e professor de biologia do Mep, Miguel Tepedino.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document