Morte de fã de Taylor Swift no Rio será investigada, anuncia Ministério Público

Natural do Mato Grosso do Sul, Ana Clara Benevides tinha 23 anos e sofreu uma parada cardiorrespiratória

by Lívia Nascimento

A jovem Ana Clara Benevides | Foto: Redes Sociais

Rio – Em nota enviada à imprensa na tarde deste sábado (18), o Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) anunciou que a morte da jovem Ana Clara Benevides, que morreu durante o show da cantora Taylor Swift na noite de sexta-feira (17), será investigada.

“A apuração criminal relacionada à morte da jovem de 23 anos será acompanhada por meio de uma das Promotorias de Justiça de Investigação Penal, a partir do registro de ocorrência lavrado junto à delegacia de polícia da área. Já há informação de que o corpo está sendo periciado”, diz a nota.

O MPRJ recebeu ainda na sexta-feira a comunicação sobre os fatos relacionados à operação do show de Taylor Swift, no Estádio Olímpico Nilton Santos, no Engenho Novo, Zona Norte da capital. De acordo com o Ministério Público, a notícia foi distribuída com urgência para a 3ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva do Consumidor para a adoção de providências.

O procurador-geral de Justiça, Luciano Mattos, conversou com o prefeito Eduardo Paes e determinou à Assessoria de Grandes Eventos do MPRJ que acionasse a empresa responsável pela organização do show para a “tomada de medidas de prevenção urgentes”.

“O MP contará com promotores de Justiça de plantão durante o fim de semana no estádio Nilton Santos para fiscalização das medidas que busquem evitar novos problemas e garantir a proteção da saúde do público presente”, concluiu o Ministério Público em nota.

Desmaios

A jovem Ana Clara Benevides desmaiou durante o show e chegou a ser levada ao Hospital Municipal Salgado Filho, mas não resistiu a uma parada cardiorrespiratória. Sua morte aconteceu no dia em que a sensação térmica no Rio de Janeiro chegou a quase 60°C. Segundo o Corpo de Bombeiros, pelo menos mil espectadores do show desmaiaram por causa do calor.

 

 

 

You may also like

1 comment

Que Deus a tenha e siga na luz ! 18 de novembro de 2023, 21:52h - 21:52

Eu não sei,, mas sinto que após a pandemia, o mundo ficou mais frio, mais individualista e menos empático.

Comments are closed.

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

(24) 99926-5051 – Jornalismo

(24) 99234-8846 – Comercial

(24) 99234-8846 – Assinaturas
.

Image partner – depositphotos

Canal diário do vale

colunas

© 2024 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996