Mulheres representam mais de 60% dos inscritos no Enem

Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2023 tem as mulheres como principais participantes, representando mais de 2,4 milhões de inscritas

by Agatha Amorim

Mulheres jovens são maioria entre os candidatos. (Foto: Arquivo/Agência Brasil)

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2023 tem as mulheres como principais participantes, representando mais de 2,4 milhões de inscritas, de acordo com o Ministério da Educação (MEC). Elas compõem 60,3% do total de 3,9 milhões de inscritos. Por outro lado, os homens somam 1,5 milhão de inscritos, representando 38,7% do total. As provas acontecem nos dias 5 e 12 de novembro.

Em relação à distribuição etária, os dados revelam que os jovens de 17 anos compõem 26,4% de todos os participantes. A faixa etária de 21 a 30 anos representa 19,4% do total. Já os participantes de 18 anos, que poderiam ser esperados em maior número, constituem apenas 15,4% do grupo.

A estudante Daniele Dias, moradora do Gama, no Distrito Federal,  hoje tem 18 anos e faz parte dos 1,4 milhão de jovens que estão prestes a concluir o ensino médio este ano. Ela tem se dedicado aos estudos desde o início do ano e, nesta etapa final, está focada no cuidado da mente, o que ela considera importante.

“Com a prova se aproximando, a parte que eu tenho mais me preparado é emocionalmente em relação à ansiedade. Eu já fiz outras vezes o Enem como treineira, só que agora que eu estou cursando o último ano do ensino médio é o ano mais importante para mim, já que vou precisar dessa nota ano que vem para entrar em uma faculdade. Então acho que o ponto que mais pega é justamente a ansiedade”, diz a estudante.

Dos inscritos, mais de 620 mil ainda estão estão cursando o 1º ou 2º ano do ensino médio e vão participar da prova como treineiros para os próximos anos.  O estudante do 2º ano, Thiago César Cabral, 17, é morador do Guará, também no DF,  e se encaixa nesse grupo. Ele também vai fazer a prova para que no próximo ano alcance a nota necessária para passar no curso de medicina.

A minha preparação tem sido feita com as aulas do colégio. Além das aulas extras, como eu falei e alguns materiais de apostilas antigas do Enem. “Em relação às minhas expectativas, eu espero ir melhor do que o ano passado, por ter evoluído do primeiro ao segundo ano”, afirma o jovem.

O professor Marcos Marinho, de 32 anos, do Colégio Objetivo no Distrito Federal, dá orientações sobre como os candidatos devem se preparar para o dia da prova

“Dicas que eu dou aí para lidar com o estresse e ansiedade durante a prova é ter o preparo com antecedência, respirar fundo, dormir bem e ter uma alimentação saudável. Chegar com antecedência no local, organizar os materiais, evitar conversas negativas e estabelecer um ritmo apropriado”, explica o professor.

Neste ano, mais de 2 milhões de pessoas obtiveram isenção da taxa de inscrição. A isenção é concedida gratuitamente aos candidatos que estão cursando o 3º ano do ensino médio em escola pública, bem como àqueles que concluíram todo o ensino médio em escola pública ou foram bolsistas integrais em escola privada. Além disso, pessoas de baixa renda que conseguiram comprovar essa condição também recebem a isenção. Já mais de 1 milhão de candidatos precisaram pagar a taxa de inscrição.

Fonte: Brasil 61

You may also like

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

(24) 99926-5051 – Jornalismo

(24) 99234-8846 – Comercial

(24) 99234-8846 – Assinaturas
.

Image partner – depositphotos

Canal diário do vale

colunas

© 2024 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996