sábado, 22 de setembro de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Polícia / Operação do Exército continua nesta sexta-feira em Angra

Operação do Exército continua nesta sexta-feira em Angra

Matéria publicada em 14 de setembro de 2018, 08:52 horas

 


Angra dos Reis – Pelo menos 2,5 mil agentes das Forças de Segurança Nacional permanecem hoje, sexta-feira, 14, mobilizados nas ações de combate a violência em Angra dos Reis. A operação teve início no dia anterior e não há previsão de término. Até agora 14 pessoas foram presas. Todas por suspeita de serem integrantes de facções criminosas.

A polícia encontrou o corpo de um homem, ainda sem identificação, na noite dessa quinta-feira (13). A ação envolve ainda 200 policiais Civis e Militares. A investida está concentrada em oito comunidades de Angra dos Reis: Parque Belém, Areal, Sapinhatuba (I, II e III), Lambica, Camorim Grande e Camorim Pequeno.

Foram apreendidas uma pistola .40, dois carregadores (um de fuzil e outro de pistola), 11 munições, uma farda da PM, grande quantidade de drogas ainda não contabilizadas, 63 bisnagas de explosivos, 20 metros de estopim para detonação, cinco granadas caseiras, dois radiocomunicadores, dois celulares e um coldre de pistola .  Não foi registrado enfrentamentos das tropas com bandidos, até o momento.

Pelo menos 3.100 pessoas e veículos foram revistados. Em diversas localidades da cidade a  tropa está distribuindo panfletos impressos pedindo a colaboração da população. As informações anônimas podem ser feitas por meio do Disque Denúncia: (0300-253-1177) ou através do seu aplicativo “Dique Denúncia RJ)”, que serão encaminhadas em tempo real ao Comando Conjunto Comando Conjunto da Intervenção na Segurança Pública do Rio.

Audiência pública

Gabinete de Intervenção faz audiência pública para aquisição de 2.955 viaturas caracterizadas

Rio de Janeiro– O Gabinete de Intervenção Federal (GIF) publica nesta sexta-feira (14),  no Diário Oficial da União o aviso de audiência pública para esclarecer aos interessados os principais aspectos do processo de aquisição de viaturas para a Polícia Militar, Polícia Civil e Secretaria de Administração Penitenciária (Seap). Serão adquiridas 2.955 viaturas caracterizadas, entre radiopatrulhas, Patamos e veículos para transporte de presos.

A aquisição atende ao objetivo estratégico número 2 da Intervenção Federal: recuperar a capacidade operativa dos Órgãos de Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro. O valor estimado da contratação, feito com base em uma pesquisa de mercado, é de R$ 344.529.543,25. Esse valor poderá ser reduzido de acordo com o resultado do pregão eletrônico, modalidade de aquisição em que o vencedor é o que oferece o menor preço, atendendo às especificações do edital.

A audiência pública – que dá transparência e legitimidade às ações do Gabinete de Intervenção Federal – está marcada para o dia 28 de setembro. Nela os interessados em participar da licitação poderão tirar dúvidas e dar contribuições ao termo de referência e ao edital. A data do pregão eletrônico é marcada após a divulgação da ata com as respostas aos questionamentos.

O Gabinete de Intervenção Federal também está adquirindo veículos descaracterizados (automóveis e motocicletas) para o Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Civil, Seap e Secretaria de Estado de Segurança. São 450 veículos, no valor máximo aceitável de R$ 24.315.730,41. O pregão eletrônico será realizado no dia 26 de setembro.

4 comentários

  1. o excercito precisa ocupar as matas e caçar o inimigo e vasculhar de casa em casa igual no filme sniper americano .escolher os pontos estrategicos para os atiradores de elite do exercito se posicionar e usar aqueles rifles de longo alcance que puxa na luneta 3 kilometros e acerta o alvo em cheio . selva !!!

  2. Só prender não adianta. O jeito é largar o ferro.

  3. pela voz se indentifica 90% dos bandidos pelo jeito de falar de agir ….e pelas tatuagens entre outros fatores …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document