segunda-feira, 25 de outubro de 2021 - 08:21 h

TEMPO REAL

 

Capa / Economia / Petrobras eleva preço do litro da gasolina em 6% e do diesel em 3,7%

Petrobras eleva preço do litro da gasolina em 6% e do diesel em 3,7%

Matéria publicada em 5 de julho de 2021, 14:28 horas

 


GLP passa a custar R$ 3,60/kg a partir desta terça-feira

Brasília – O preço do litro da gasolina foi reajustado de R$ 2,53 para R$ 2,69 e o do óleo diesel, de R$ 2,71 para R$ 2,81, segundo a Petrobras. Com isso, os dois combustíveis vão ficar 6% e 3,7%, respectivamente, mais caros a partir desta terça-feira (06). Essas são as primeiras altas da gestão do general Joaquim Silva e Luna, que assumiu o cargo há quase três meses.

Os reajustes refletem a alta do petróleo no mercado internacional. Nesta segunda-feira (05) o barril da commodity é negociado em Londres a quase US$ 76. Os contratos no mercado futuro aceleraram após notícias de que a Organização dos Países Exportadores de Petróleo e aliados (Opep+) adiaram, pela segunda vez, a sua reunião ministerial.

A Petrobras, por meio de sua assessoria de imprensa, afirmou que “busca evitar o repasse imediato para os preços internos da volatilidade externa causada por eventos conjunturais”, mas que se mantém alinhada ao mercado internacional.

Gás Liquefeito de Petróleo

Também a partir desta terça-feira, ocorrerá o reajuste do preço do gás liquefeito de petróleo (GLP). O kg do combustível passará para R$ 3,60, um aumento médio de R$ 0,20 (+6%). Hoje, a empresa subiu também os valores da gasolina (+6%) e do óleo diesel (+3,7%).

Essas são as primeiras altas dos combustíveis automotivos anunciadas desde a posse do general Joaquim Silva e Luna na presidência da Petrobras, em 19 de abril. O GLP, no entanto, já havia sido reajustado em 6%, em junho passado. A empresa, em nota, reafirma a sua política de paridade de importação e de evitar “o repasse imediato para os preços internos da volatilidade externa causada por eventos conjunturais”.
Informações são da Agência Estadão.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

6 comentários

  1. E as panelas sumiram né? Temos que tirar essa Dilma ,assim não dá ķkkķkj oóoo vida de gado

  2. Os que reclamam do presidente, não leem e procuram saber sobre como é feito o aumento. Acha que ele quer aumentar e pronto. Todos somos afetados. Mas parece que tem um pessoal que até se chover a culpa é do presidente kkk. Ele pelo menos não quebra a economia do país subsidiando combustíveis com dinheiro público para que os aumentos não sejam sentidos pelos “cumpanheiros” . . e mas a frente esses valores subsidiados ajudaram a fazer o buraco da economia Petista maior ainda . . .

  3. Sobem os preços, os pobres param de andar de carro, ruas e vagas livres. Vida que segue. Além da grana cobrir o auxilio emergencial. Brasil colonia se firmando novamente.

  4. Professor de esconde-esconde do Queiroz e do Lázaro.

    MIIIITTTTTTTOOOOO !!!!!!!!

  5. Cadê o povinho da passeata do EU AUTORIZO? Chega dar pena quando vejo um cidadão pagador de impostos ,assalariado reclamando de ter que pagar cinco centavos numa sacola de mercado indo as ruas defender essa quadrilha.cadê aquele moço que teve a audácia de ir num debate de TV com uma camisa surrada em apoio ao Bozo?(por sorte foi ignorado nas urnas),Cadê aquele pateta?

  6. Que maravilha!!!
    E o gás de cozinha, teve seu preço aumentado?
    Esse é o país do Bozo! A família dele acima de todos!

Untitled Document