terça-feira, 18 de junho de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Plantão da redação / PM apreendeu 33 fuzis apenas no inicio deste ano no Estado do Rio

PM apreendeu 33 fuzis apenas no inicio deste ano no Estado do Rio

Matéria publicada em 26 de janeiro de 2019, 10:53 horas

 


Dos 33 fuzis apreendidos, 13 são da Colt modelos AR-15 e AR-10, de fabricação americana (Foto: PM)

Rio de Janeiro – Em pouco mais de 20 dias deste ano, policiais militares já apreenderam 33 fuzis em poder de criminosos em sucessivas operações realizadas em comunidades localizadas especialmente na Região Metropolitana do Estado. O levantamento, feito pela Coordenadoria de Inteligência da Secretaria de Estado de Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, indica que o volume de apreensões será tão ou mais acentuado como nos anos anteriores, quando mais de 300 fuzis foram apreendidos.

Ao classificar o levantamento por modelo e origem, a estatística da Coordenadoria de Inteligência chama atenção para a incidência de fuzis fabricados pela indústria bélica estrangeira. Dos 33 fuzis apreendidos, 13 são da Colt modelos  AR-15 e AR-10, de fabricação americana; 9 são do modelo AK-47, a maioria de origem  russa ou de países do Leste Europeu; 4 do modelo G3, que tem versões espanhola e alemã.

Os fuzis de modelo FAL somam três unidades, que podem ter sido fabricados no Brasil, mas também na Argentina e na Bélgica, países que mantêm unidades de produção desse armamento.

– Esse recorte na estatística por modelo de armamento é muito oportuno, porque demonstra a importância para o combate ao tráfico internacional de armas – disse o porta-voz da Polícia Militar do Rio de Janeiro, Coronel Mauro Fliess.

Paralelamente a possíveis ações articuladas em âmbito nacional para reprimir o comércio clandestino de armamento de guerra, a Polícia Militar do Rio de Janeiro permanecerá combatendo diuturnamente as facções criminosas do tráfico de drogas que se instalam nas comunidades do Estado, aterrorizando moradores e disseminando outras modalidades de crimes.

– A cada arma que retiramos das mãos dos criminosos, estamos preservando muitas vidas – afirma ainda o Coronel Fliess.

As quatro últimas apreensões de fuzis no Estado ocorreram entre segunda-feira (21/01) e terça-feira (22/01) nas comunidades do Morro do Urubu, em Pilares;  do Teixeira, em Jacarepaguá; do Morro São João, no Engenho Novo; e na Vila Ipiranga, em Niterói.

Além dos 33 fuzis, os policiais militares apreenderam, no mesmo período, 323 armas de fogo – sendo 155 pistolas e 120 revólveres, além de submetralhadoras, carabinas, espingardas, garruchas. Também foram apreendidos 36 explosivos – 20 granadas e 16 artefatos de fabricação artesanal.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document